Ingo anuncia aposentadoria

16 de abril de 2008

Foto: Fernanda Freixosa/Vicar

Com 12 títulos da Stock Car, o piloto anunciou sua saída em 2009.
A temporada 2008 da Stock Car marca os 30 anos da principal categoria do automobilismo nacional. Em meio a tanta alegria pelo sensível crescimento e expectativa de novo sucesso, o ano também ficará para a história como o último de um grande campeão, dentro e fora das pistas. Ingo Hoffmann, o maior campeão da categoria, com 12 títulos, faz seu último campeonato este ano.
A decisão surpreendente foi anunciada minutos antes da largada da prova de abertura da Copa Nextel Stock Car, no último domingo, em Interlagos. Em 2009, sua extrema qualidade técnica e competência dentro das pistas já não farão parte da categoria, que, sem dúvida, perderá um pouco de seu brilho com a ausência do “Alemão”.
Com uma carreira espetacular no automobilismo, Ingo, aos 55 anos, é o grande nome da categoria em seus 29 anos de existência. São mais de 300 provas disputadas, 76 vitórias, 61 poles positions em 30 anos de Stock Car, que confirmam a qualidade e competência do dinossauro. Os desempenhos nas últimas temporadas e a pole no último domingo mostram que ele continua em grande forma, dando muito trabalho e exemplos para a nova geração da modalidade. “Essa decisão vem sendo amadurecida há bastante tempo. Sempre quis que isso acontecesse quando eu ainda estivesse competitivo e quando estava no grid foi um momento emocionante e resolvi que era a hora de anunciar”, explica. Ingo também se destacou fora do volante, especialmente quando, ao lado de Paulão Gomes e Carlos Col, garantiu a continuidade e a reestruturação da categoria. Quando a GM anunciou o final da Stock Car em 1999, os três foram conversar com os diretores da montadora para que fosse dado um crédito à continuidade do trabalho.