Rally da Independência é o próximo destino de Rogério Almeida

1 de setembro de 2008

Foto: Doni Castilho/Dfotos

A 3ª etapa do Brasileiro de Rally Cross-Country – nomeado de Rally da Independência – com certeza fará uma reviravolta na classificação geral do campeonato. Os líderes de cada categoria – Production Brasil, T1, T2 e Caminhões – precisarão defender bastante suas colocações, pois todos os participantes estão preparados para acelerar muito forte pelas trilhas da cidade de Tunas, a 60 quilômetros de Curitiba, PR.
A competição acontece nos dias 6 e 7 de setembro, e a expectativa é que 30 duplas formem a fila do grid de largada. E esta é sem dúvida, a chance que Roberto Reijers e Rogério Almeida, da Reijers Rally Team, precisam aproveitar. “Enfrentamos alguns problemas mecânicos no início da temporada, e por isso, estamos em sexto lugar na categoria T1. No entanto, finalmente solucionamos todos os detalhes que sempre nos deixavam pelo meio do caminho e iniciamos uma nova fase”, declarou Almeida, que vem de uma vitória no Ceará. Os primeiros colocados da T1 são Maurício Neves e Clécio Maestrelli.
Cerca de 80% do rali percorrerá área de serra, o percurso foi levantado dentro de duas fazendas: Ponta Grossa e Água Clara, de reflorestamento de Pinus. Mas isso parece não ser problema para os corredores, que buscam por este tipo de aventura. “Superar desafios é sempre o foco principal dos amantes do rali. Nossa equipe vinha de um trabalho grande e sério, na busca de vencer alguns problemas existentes na construção da picape. Finalmente tudo foi resolvido (e isso é uma vitória) e estamos bem motivados e nada nos segurará”, declarou Almeida.
Organizado pelo Rally Clube de Curitiba, o Rally da Independência promete fortes emoções, e quem ganha com o profissionalismo das equipes é o esporte e a população da região, que assistirá a um belo espetáculo de técnica e velocidade na terra. Mais informações: www.crosscountry.com.br