Nelsinho Piquet e Alonso renovam com Renault para 2009

5 de novembro de 2008

Nelsinho Piquet renovou por mais um ano seu contrato com a equipe ING Renault. O time dirigido pelo italiano Flávio Briatore confirmou oficialmente hoje que o brasileiro será um dos pilotos da equipe na temporada 2009 da Fórmula 1, tendo novamente ao lado o espanhol Fernando Alonso. Nelsinho volta à pista já no dia 17 de novembro, em Barcelona, na Espanha, para os primeiros testes de inverno com foco no próximo ano. ”Estou muito satisfeito em poder correr mais um ano pela ING Renault. Embora eu tenha tido um ano duro, minha primeira temporada foi de muito aprendizado e certamente usarei essa experiência a meu favor no ano que vem. Quero agradecer a equipe pelo apoio este ano e pela confiança que ela mostrou ter em meu futuro. Já estou ansioso para 2009 e não vejo a hora de iniciar os trabalhos com a equipe nos testes de inverno, para que possamos começar forte na próxima temporada”, afirma Nelsinho.

O chefe da equipe ING Renault, Flavio Briatore, disse estar feliz em confirmar a permanência de Nelsinho e de Alonso. ”Isso dá à ING Renault uma das duplas de pilotos mais interessantes, com a mistura perfeita entre a juventude e a experiência”, destaca.

Em seu primeiro ano na Fórmula 1, Nelsinho Piquet marcou 19 pontos e terminou na 12ª colocação. Além disso, foi o brasileiro que mais marcou pontos em termos absolutos na temporada de estréia e um dos únicos três a terem subido no pódio, com o segundo lugar no GP da Alemanha, em Hockenheim. Os outros dois foram Emerson Fittipaldi e Ayrton Senna.

Carreira
Nelsinho iniciou a carreira aos oito anos, correndo de kart, categoria na qual foi tricampeão brasileiro. Em 2001, estreou na Fórmula 3 Sul-Americana, sendo eleito o piloto revelação da temporada. O piloto entrou apenas na sexta etapa, quando completou a idade mínima exigida, de 16 anos. No ano seguinte, disputou a temporada inteira e venceu  o campeonato com quatro corridas de antecedência. Em 18 provas, foram 13 vitórias e 16 poles. Além disso, quebrou vários recordes da categoria.

Em 2003, Nelsinho disputou o campeonato inglês de Fórmula 3, terminando na terceira colocação, com seis vitórias e oito pole positions. Em 2004, conquistou o campeonato com seis vitórias, cinco poles e 11 voltas mais rápidas. De quebra, fez com que a Piquet Sports fosse a primeira equipe estrangeira a vencer o campeonato desde 1978.

Em 2005, o piloto disputou sua primeira temporada na GP2 Series e foi escolhido pelo bicampeão Emerson Fittipaldi para defender o Brasil na temporada de estréia da A1 GP. Nelsinho disputou sete provas e conquistou, no circuito inglês de Brands Hatch, a primeira pole position e as primeiras duas vitórias da história da categoria.

Em 2006, Nelsinho disputou novamente a GP2 Series e conquistou o vice-campeonato, após uma disputa prova a prova com o atual campeão mundial Lewis Hamilton. Nas duas temporadas na categoria, foram seis poles, cinco vitórias e 13 pódios. Em 2007, foi piloto de testes da ING Renault e, no ano seguinte, foi efetivado como piloto titular.

Fonte e Foto:Site oficial do piloto