"Ainda quero correr", afirma Barrichello

6 de novembro de 2008

Foto:www.rubensbarrichello.com

Publicada nesta quinta-feira, em seu site (www.barrichello.com.br), a coluna escrita pelo piloto mostra mais uma vez o espírito guerreiro de Rubens, que afirma ainda ter muita vontade de correr. O piloto não tem tantas chancesa de permanecer na Fórmula Um, mas já recebeu várias indicações de que será bem vendo em outras categorias como a Indy.

Na Indy norteamericana Barrichello poderia se firmar ainda mais como grande piloto, tendo em vista o possível apoio que a Honda poderia dar ao brasileiro, sendo ela a fornecedora de motores da categoria. Acompanhe as palavras de Barrichello.

Nessa coluna quero abrir meu coração com respeito ao meu futuro. Tem muita gente falando muita coisa, mas gostaria que você, acima de tudo, soubesse que sinto muito orgulho de tudo aquilo que conquistei. Eu estou falando isso porque está parecendo que quero correr porque ainda tenho alguma coisa pra mostrar pra alguém… Eu quero sim correr, mas simplesmente porque gosto muito e porque tenho ainda muito gás.
 
Pra mim parece que foi ontem, mas já foram 21 anos desde que meu pai chegou pra mim pra dizer que talvez tivéssemos que parar de correr. Entraríamos na minha sétima temporada de kart… Foi o maior baque que já tive em minha carreira. Ver meu Pai trabalhando em dobro junto com seus irmãos e o seu Pai na loja de materiais de construção ali em Interlagos pra conseguir um dinheirinho a mais pra que seu filho continuasse a correr. Fora as horas intermináveis onde ele saia da loja pra tentar patrocínio.
 
Compare esse momento com o que vivo hoje… é incomparável. Dor sim senti naquele momento… hoje sinto orgulho. Orgulho de mim por tudo conquistado e orgulho de meus familiares que deram suas vidas pelo meu sucesso. Agora vamos ser claros, eu tenho sede de vitória e de desafios e se estou dando tudo de mim pra continuar correndo é por isso.
 
Queria muito agradecer a todos que escreveram na petição e principalmente aqueles que criaram a petição. Está sendo o máximo ler as mensagens…  Minha determinação sempre foi a minha característica máxima e é isso que vai me fazer continuar. As duas chances que tenho (Honda e Toro Rosso) são chances competitivas e é isso que me motiva. Novamente digo: sinto muito orgulho de tudo conquistado e agradeço a DEUS por tudo e pela situação que me encontro hoje”
. Rubens Barrichello