Ivan Schanoski vence arrancadão de tratores e conquista bicampeonato

17 de novembro de 2008

Foto:Sandra Battiston

O agricultor e pecuarista de Maripá Ivan Schanoski, da equipe Azulão, venceu neste domingo 17 o GP de Maripá do Arrancadão de Tratores, derrotando na final o paraguaio Alexandre Poland, da equipe QM. Ivan cruzou a linha de chegada com o tempo de 8s718, novo recorde da categoria. Poland fez 9s125. Na disputa do terceiro lugar, Anildo Schanoski, da equipe 601, levou a melhor, derrotando Dorval Conci Júnior, da equipe Ferrari Rural. Lívio Foster, do Paraguai, se classificou em quinto lugar, ficando em sexto Armando Boldrin Júnior, de Toledo (PR).

O forte calor da noite de sábado e da tarde de domingo influenciou no resultado da prova. Logo na primeira bateria eliminatória já afastou das disputas Irani “Nica” Kreutz, favorita à vitória. Ela teve uma das válvulas do motor de seu trator travada, levando a queima do tucho. Também ficou fora Aldecir Rohloff, da equipe 178, que quebrou a caixa. Ainda na noite de sábado, na segunda bateria eliminatória, Darli Drisner teve o bloco do motor de seu trator rachado. Com isso as duas mulheres da categoria ficaram fora da competição já no primeiro dia de disputas.

Foto: Sandra Battiston

A decisão colocou frente a frente Alexandre Poland e Ivan Schanoski, dois vencedores do GP de Maripá. Poland ganhou no passado e Ivan o venceu em 2005. Determinando a vencer, Ivan acelerou forte na decisão e venceu, quebrando o seu próprio recorde ao estabelecer o tempo de 8s718.

Ivan Schanoki, que atua na agricultura plantando milho, soja e trigo, e a pecuária com gado de leite, comemorou intensamente a vitória, cobrindo-se com a bandeira do Brasil. Ele comentou que o mais importante foi vencer, sem se preocupar com recordes. “Foi uma vitória difícil e quero dedicá-la a Nica, a Darli e ao Aldecir, que quebram logo no início da competição”, disse Ivan.