Entrevista – Diego Nunes

21 de fevereiro de 2009

 

O entrevistado deste mês é o piloto Diego Nunes. Ainda pouco conhecido do grande público brasileiro, Diego confirmou seu lugar na GP2, na escuderia iSport que, ano passado, abrigou Bruno Senna. Com a experiência de quem já tem um ano dentro da GP2, o brasileiro acaba se credenciando para disputar o título da categoria de acesso à Fórmula Um.

É com exclusividade que o site Carros e Corridas publica essa entrevista exclusiva com Diego Nunes, que se mostra disposto e confiante em fazer um bom campeonato e disputar o título, além de manter aquecido seu sonho de pilotar um carro de Fórmula Um, em um futuro próximo.

Carros e Corridas – Primeiramente gostaria de saber sobre essa negociação com a GP2. Você já havia corrido a temporada passada e hoje, está na Piquet Sports para competir pela GP2 Asia Series. Como foi para você a experiência vivida nesses dias até a conformação na equipe  iSport e tendo que segurar outra vaga na Supernova enquanto tudo se definia?

Diego Nunes – O ano passado foi um ano difícil para mim. Eu estava estreando na categoria e não tinha um companheiro de equipe bom para que pudesse me ajudar mais mesmo assim consegui aprender muito e fazer alguns resultados bons. No fim do ano consegui a oportunidade de testar com a iSport e me sai muito bem, então isso acabou me ajudando muito pra conseguir essa vaga pra 2009. As negociações demoraram muito porque o Bruno não sabia direito o que iria fazer mais no final deu tudo certo para mim e espero que ele consiga uma vaga na F1.

Carros e Corridas – Você acredita que esse ano vai reunir maiores chances de disputar o título da GP2?

Diego Nunes –  Com certeza. Este ano vou estar pilotando um carro muito competitivo e com a experiência que trago do ano passado vão me dar condições para disputar o titulo.

Carros e Corridas – O seu antecessor na equipe foi o Bruno Senna, que ficou em segundo lugar no campeonato, você acredita que será cobrado para obter o mesmo desempenho?

DiegoNunes  – Sempre as pessoas cobram muito dos pilotos e claro que a cobrança em cima de mim vai ser grande mais eu estou tranquilo e muito feliz por ter conseguido esta vaga tão importante na GP2

Carros e Corridas – Isso serve de motivação (saber que  sucede um piloto competitivo) ?

Diego Nunes – Também serve porque eu sei que o carro foi muito competitivo em 2008.

Carros e Corridas – A equipe iSport vai manter os mesmos níveis de investimentos em desenvolvimento do carro que no ano passado?

Diego Nunes – Eu acredito que sim eles sempre fizeram um trabalho muito bom e acho que vão continuar assim.

Carros e Corridas –  Você foi o décimo segundo colocado no GP do Catar, na GP2 Asia. Faltando ainda quatro etapas para o final da GP2 Asia Series, você espera ser mais competitivo, ou está andando o que o carro pode dar?

Diego Nunes – Eu estou tendo muitos problemas na asiática e também estou trabalhando com um engenheiro novo na GP2, então não estamos tendo o rendimento que esperávamos ter mais estou usando a GP2 Asia para acumular ainda mais experiência para a GP2 principal com a Isport.

Carros e Corridas –  A Série Asiática para alguns críticos é apenas para ganhar o dinheiro do pessoal daquele continente. Você acha que o campeonato é menos importante?

Diego Nunes – Sem dúvida o campeonato é menos importante que a GP2 Main Series, mas ele serve para manter os pilotos aquecidos e mais preparados para a GP2 principal.

Carros e Corridas –   Em 2007, você foi Vice-campeão da Fórmula 3.000 Européia. Em 2008 fez uma temporada na GP2. Em 2009 vai repetir a dose na categoria? E a Fórmula Um? Você já começa a articular?

Diego Nunes – É difícil pensar tanto nisso agora, mas depois da metade do ano nós vamos começar a trabalhar em cima da F1.

Carros e Corridas –   2009 vai ser uma ano difícil para o automobilismo por conta da crise financeira mundial. A idéia é ter uma Fórmula Um mais barata e aí podem surgir vagas para pilotos com menores salários em 2010, ano em que muitos contratos serão renovados. Você acredita que o número de patrocinadores que um piloto levar vai ser mais importante que o talento? Como um jovem piloto como você percebe esse tipo de questão. Ter que ser competitivo e levar patrocinadores?   O Lucas Di Grassi, que foi fantástico ano passado, chegando a disputar o título da GP2 tendo feito apenas metade da temporada, mesmo assim ele não conseguiu um lugar na F-1. Qual seria a segunda opção de um piloto como ele e você? Tentar uma carreira na DTM? Buscar a Fórmula Indy?

Diego Nunes – Entrar na F1 é muito complicado, depende de sorte, talento e também dinheiro. Para mim um piloto que bate na porta da F1 e não consegue entrar, com certeza deve tentar a F Indy ou outras categorias grandes no automobilismo.

Carros e Corridas –   Falando de pilotos brasileiros você corre com muitos deles entre vocês há um bom clima, vocês aproveitam o fato de estarem fora do Brasil para se unirem?

Diego Nunes – Sim, sempre que podemos nos encontramos para treinar conversar e sair. Tenho uma relação muito boa com o Massa, Di Grassi, e o Senna.

Carros e Corridas –   Como é conviver longe dos pais e da família?

Diego Nunes – É (foi) muito difícil no começo, mas com o tempo você se acostuma com as dificuldades e consegue se concentrar melhor no que esta fazendo.

Carros e Corridas –   Tem valido à pena todo esse esforço para chegar até onde chegou?

Diego Nunes – Com certeza sim!

Carros e Corridas –   Fale um pouco sobre o início de sua carreira. O que o motivou a ser piloto?

Diego Nunes – Eu comecei andar de kart escondido do meu pai, mas logo depois contei para ele e comecei todos os dias encher a paciência dele até que ele me levou em Interlagos e compramos um kart, a partir dai nunca mais parei porque gostava muito do que estava fazendo e meu pai sempre me apoiou muito também.

Carros e Corridas –   Alguém de sua família tentou convencer você a não competir no automobilismo?

Diego Nunes – Minha mãe! Mas não adiantou porque era eu e meu pai contra ela ai ela perdeu.

Carros e Corridas –   Já teve medo dentro da pista?

Diego Nunes – Não, eu sempre gostei muito de pilotar e desde quando eu estava em categorias de base com F Renault ou F3 tive curiosidade de como era pilotar um carro realmente forte como um GP2 ou um F1.

Carros e Corridas –   Qual seria o maior sonho do piloto Diego Nunes ?

Diego Nunes – Ser um dia campeão mundial de F1.

Carros e Corridas –   E da Pessoa, do Homem Diego Nunes?

Diego Nunes – Construir uma família e ser muito feliz.

Fotos: Site oficial do piloto – www.diegonunes.com.br/

Tags: