Barrichello diz que jamais deixou de acreditar

9 de março de 2009

Rubens Barrichello afirmou que nunca perdeu as esperanças de continuar sua carreira na Fórmula 1, apesar de um futuro incerto após o abandono da Honda Racing. O brasileiro assinou um novo acordo com a Brawn GP para 2009, o que permitirá ele estender seu recorde como o piloto mais experiente na história da categoria. “Nos últimos quarto meses eu preferi ficar em silêncio”, disse Rubinho em seu web site. “As pessoas disseram que eu estava acabado, e que ninguém me queria. Alguns até já haviam falado que Bruno Senna tinha assinado com o novo time. Isto é um absurdo, uma tentativa de dar reportagens sem nenhuma confirmação”.

Barrichello admitiu que as coisas não serão fáceis na Brawn GP, já que a equipe teve um começo tardio frente aos rivais, mas garantiu que a determinação dos últimos meses continuará agora. “Quando eu disse que o GP do Brasil não seria minha última corrida eu não sabia ao certo, mas alguma coisa me dizia que não iria ser”.

Fonte: F-1 na Web – Lucas Martins