Mudanças na F-1 deixaram Briatore chocado

18 de março de 2009

Flavio Briatore disse apoiar as críticas da Associação das Equipes de F-1 (FOTA) às mudanças de regulamento anunciadas pela FIA nesta terça-feira. O chefe da Renault repreendeu o caráter unilateral das decisões, principalmente, o limite orçamentário de € 33 milhões. Para ele, todas as equipes devem ter “as mesmas regras”.

“Precisamos de estabilidade. As mudanças causaram um pouco de choque”, opinou Briatore. O italiano acredita que as alterações, que pretendem dar vantagens técnicas a equipes de baixo orçamento, para que elas possam competir com times que possuem gastos mais altos, são simplistas demais.

“A Fórmula 1 é muito complicada. Às vezes, ao tentar reduzir custos, você acaba aumentando-os”, comentou o chefe da Renault. “Será necessário explicar à federação que as equipes já fizeram um trabalho enorme para tentar reduzir os custos”, completou.

“A crise financeira está deixando todos preocupados e precisamos que a Fórmula 1 seja mais eficiente. Mas, às vezes, ficamos insatisfeitos com as decisões que nos são impostas”, revelou Briatore.

Fonte: F-1 na Web – Flávio Augusto