Em comunicado oficial, FOTA questiona mudanças anunciadas pela FIA

20 de março de 2009

Ainda insatisfeita com as decisões tomadas pelo Conselho Mundial de Desportos a Motor (WMSC) na última terça-feira, a Associação das Equipes de Fórmula 1 (FOTA) decidiu publicar uma declaração que questiona, legalmente, a validade de tais resoluções.

“A alteração do regulamento proposta pelo WMSC não foi realizada em conformidade com o Anexo V das Regulamentações Esportivas. Conforme disposto no artigo 199 do Código Desportivo Internacional da FIA, era tarde demais para a FIA impor uma mudança para a temporada 2009, que não tivesse unanimidade entre as concorrentes inscritas no Campeonato 2009 de F-1”, argumenta a FOTA.

A associação ainda criticou o fato da sua proposta de mudanças, baseada em um “inquérito público global”, não ter sido levada em consideração pela FIA: “desde a mudança do sistema de pontuação, aprovada por unanimidade pelas equipes e levada até a FIA, mas que não foi aceita pelo WMSC, nenhuma mudança poderia ocorrer em 2009”, acredita.

A FOTA afirma, no entanto, que as equipes continuam disponíveis para colaborar com a FIA, “a fim de definir conjuntamente um novo sistema de pontuação para a temporada 2010, no âmbito de um conjunto abrangente de medidas destinadas a estimular ainda mais a atratividade da F-1″.

Fonte: F-1 na Web – Flávio Augusto