Chefão da Ferrari pressiona Raikkonen por resultados

24 de março de 2009

Foto:Ferrari/Divulgação

O clima na equipe já não é mais o mesmo para Kimi Raikkonen, um dos pilotos mais bem pagos da Fórmula 1. Depois de conquistar um título mundial em 2007, o piloto Ferrari foi superado por seu companheiro Felipe Massa em 2008 e agora precisa mostrar serviço para justificar seu salário.

Stefano Domenicali, diretor-técnico da escuderia de Maranello, deixou bem claro as expectativas em torno do desempenho do finlandês: “Ele sabe que essa é uma temporada importante para ele como piloto e como um homem da Ferrari, ele é esperto o suficiente para entender isto” afirmou ao La Gazzetta dello Sport.

Domenicali não titubeou ao confirmar que a permanência de Raikkonen na equipe dependerá do desempenho em 2009: “Certamente”. Para sorte do “Homem de Gelo”, ele se adaptou muito bem ao carro para esta temporada: “Posso dizer honestamente que gostei muito mais deste carro do que o do ano passado”.

Fonte: F-1 na Web – Marcus Wagner