Especial Fórmula 1: Red Bull – Sangue novo em busca da evolução

25 de março de 2009

Fonte: F-1 na Web – Marcus Wagner

Nada a comemorar em 2008. A Red Bull conseguiu ficar atrás de sua subsidiária, a Toro Rosso. Agora o pensamento é superação e para levar a equipe a melhores resultados, saindo da posição de equipe média e conquistar vitórias. O projetista Adrian Newey, responsável por modelos campeões em Williams e McLaren, está desde 2006 na equipe mas ainda não mostrou os bons resultados.

A equipe sofreu uma mexida nos cockpits: o escocês David Coulthard dá lugar à sensação da última temporada, Sebastian Vettel. O alemão venceu uma corrida com a Toro Rosso e agora tem a missão de repetir os bons resultados na equipe principal. A Red Bull conta com propulsores desenvolvidos pela Renault.

Vettel carrega a responsabilidade de comandar a decolagem da equipe aos primeiros lugares. Com as boas atuações em 2008, nada mais natural que exigir dele no mínimo repetir a dose em nesta temporada. Em Barcelona, ele só apareceu bem no primeiro dia de testes, mas treino é treino.

Diante deste panorama de esperança de melhoras para a equipe, o australiano Mark Webber talvez enfrente o maior desafio de sua carreira ao ter que se mostrar tão competitivo quanto ao seu companheiro de equipe que chega diante de tantas atenções.

Webber quase não pôde treinar devido a um acidente de bicicleta em dezembro no qual quebrou a perna e, mas se recuperou rápido para estar apto a voltar no final de fevereiro. Talvez o motivo seja mesmo a chegada de Vettel, já que Webber tem a fama de querer sempre todas as atenções.