Rubinho: "É bom estar de volta"

28 de março de 2009

A Brawn conseguiu trazer o sorriso de volta à Rubens Barrichello, depois de um ano de péssimos resultados na Honda e a incerteza de um lugar para pilotar. Desde a época da Ferrari ele não largava em uma primeira fila. Com a conquista do segundo lugar no grid da Austrália, ao lado do companheiro de equipe Jenson Button, o brasileiro conseguiu provar não só a qualidade do carro, tão badalado nos testes, como ~também sua capacidade competitiva: “Tenho mostrado que não tenho nada de veterano. Eu acelero, sou todo animação e estou grato de ter um bom carro. Foi muito difícil nas últimas temporadas. É tão bom estar de volta em um carro novo.”

Mesmo com o excelente resultado, Barrichello acha que o resultado poderia ser melhor: “Eu esperava poder colocar o carro na pole. O carro estava fantástico com pouco combustível, mas na Q3 eu tive um problema na traseira e foi difícil. Mas a primeira fila foi muito importante para nós. E temos de estar felizes por isso”

Fonte: F-1 na Web – Marcus Wagner