GP2: Álvaro Parente critica manobra de Pastor Maldonado

24 de abril de 2009

O piloto português Álvaro Parente espera fazer uma corrida melhor que o treino desta sexta quando ficou na décima posição no grid da GP2 Asia em Sakhir. Álvaro culpou o piloto Pastor Maldonado por tê-lo atrapalhado na pista em “postura pouco desportiva”.

Depois da quarta colocação no treino da manhã, Parente aguardava copm otimismo a etapa da tarde e o seu ritmo mostrava que poderia lutar por um lugar entre os cinco primeiros. No entanto, Álvaro Parente foi claramente prejudicado por Pastor Maldonado na sua volta mais rápida, que o bloqueou escandalosamente, tendo que se contentar com o décimo tempo. “Cometi um erro durante a manhã, e fiz o melhor que pude na pista. Não posso dizer que tudo correu bem na qualificação, uma vez que o Maldonado atrasou-me na minha volta lançada. Contudo, estou confiante de que neste sábado poderemos ter uma boa corrida”, apontou visivelmente irritado o jovem de vinte e quatro anos.