Raul Fontenele vence primeira etapa da Super Turismo

26 de abril de 2009

Contrariando as previsões a chuva que era esperada neste domingo acabou dando lugar a um sol forte e a pista seca. Com esse cenário os 22 pilotos da Super Turismo alinharam no grid em busca da primeira vitória na temporada de 2009, neste domingo, no autódromo Virgílio Távora, no Eusébio.

Na primeira fila Paulo Holanda e Ênio Santos lideravam a fila de pilotos. Na largada lançada, uma novidade nesta etapa, Paulo Holanda manteve a liderança seguido de perto por Vicente Paiva. No contorno da Curva Dirce vários pilotos chegaram a se tocar, dentre eles Mano Rola e Pedrinho Barbosa, da Próton Racing Team, que ao largar na sexta posição e disputar o quarto posto, recebeu o toque por trás e saiu da pista tendo de abandonar a corrida. A direção da prova decidiu pela entrada do carro de socorro que permaneceu por três voltas na pista.

Na relargada Ênio Santos tentou ultrapassar Paulo Holanda e os dois se chocaram, pior para Ênio que saiu da corrida, já Paulo Holanda caiu para a décima colocação. “Na relargada eu tive problema de freios, eles estavam frios devido as voltas com o carro de socorro e e acabei batendo no Paulinho, mas isso é coisa de corrida, sei que tenho um carro acertado para a próxima etapa”, disse o piloto. Com Paulo Holanda (foto) em décimo o caminho ficou livre para Vicente Paiva que trazia na cola aquele que viria a ser o grande nome da corrida, o piloto Raul Fontenele. Aos poucos Raul foi se aproximando de Vicente, volta à volta a diferença caia, e acabou assumindo a ponta a seis voltas do final.

E as disputas não ficaram restritas apenas as primeiras posições. No chamado grupo intermediário o que se viu foi uma seqüência de ultrapassagens tendo como protagonistas pilotos como Vitor Frota, Pedro Sidrim, Cléber Brasileiro, Tuta Sancho, Maurílio Reis e Rodrigo Ventura que travou duelo com Maurílio por duas voltas seguidas, conseguindo a ultrapassagem apenas na última volta.

Em uma corrida de recuperação Paulo Holanda galgou o terceiro posto com muita determinação. “Não fosse o Ênio ter me tirado da liderança a vitória era certa, mas meu carro está muito bom e espero muito para as próximas etapas”, lamentou.

Após ter conseguido o primeiro posto Raul Fontenele abriu boa distancia de Vicente Paiva e confirmou a grande corrida que fez depois de ter saído da sétima posição e lutar pela vitória. Estou muito feliz com o resultado. Procurei fazer uma boa largada e me manter fora dos acidentes, disputei posições e sei que esse carro tem bom potencial para este ano”, concluiu Raul.

Ao final da competição os cinco primeiros da categoria principal foram: Raul Fontenele em primeiro; Vicente Paiva, segundo; Paulo Holanda, terceiro; Mano Rola, quarto e Cléber Brasileiro, quinto. Pela categorial light o vencedor foi Vitor Frota, seguido por Marcos Nunes em segundo; Fernando Pessoa em terceiro; Daniel Busgaib em quarto e Alexandre Gualberto , que estreou na categoria, em quinto.