F-3 Européia: Problemas prejudicam Geronimi em Hockenheim

18 de maio de 2009

Um problema no motor detectado logo após a corrida de sábado (16) – válida pela 1ª etapa do Campeonato Europeu de Fórmula 3 – acabou prejudicando Tiago Geronimi na segunda prova do fim de semana, realizada do domingo (17), em Hockenheim (Alemanha). O brasileiro, que largaria em 10º, perdeu 10 posições no grid devido à troca do motor já que, pelo regulamento, o competidor deve usar o mesmo em pelo menos três corridas. Apesar de largar em 20º, Geronimi teve um bom desempenho e ganhou 11 posições ao longo da disputa. Mas restando quatro voltas para o final, um novo problema, dessa vez na bomba de combustível, obrigou o piloto a abandonar.

“Perdi duas posições na largada, mas consegui recuperar ainda na primeira curva. Nas 10 voltas seguintes eu imprimi um forte ritmo e cheguei nos ponteiros. Infelizmente, quando estava em 9º, a bomba de combustível do meu carro quebrou e fui obrigado a abandonar”, lamentou Tiago.

“Essa primeira rodada foi muito importante, tanto em termos de aprendizado, quanto para sabermos que estamos com um conjunto bom e uma equipe forte. Agora é ir para as próximas etapas em busca de pontos”, concluiu o piloto que defende a Signature, equipe campeã desse domingo com o francês Jean Karl Vernay.  Entre os demais brasileiros na F-3 Européia, Pedro Enrique terminou em 14º e César Ramos abandonou. A 3ª e 4ª etapas da categoria estão marcadas para os próximos dias 30 e 31, em Lausitz, também na Alemanha.