Rally dos Sertões: Caminhões da Equipe Autoliner chegam a Santa Helena

25 de junho de 2009

Na primeira etapa do 17º Rally Internacional dos Sertões que aconteceu nesta quarta-feira (24) entre as cidades de Goiânia e Santa Helena, no Estado de Goiás, imprevistos pegaram de surpresa os dois caminhões da equipe Autoliner, mas não faltou energia para levar os veículos até a chegada da especial.  O trio do Ford F-4000 4×4 de Amable Barrasa (piloto), Raphael Bettoni (co-piloto) e Guilherme Petroni (navegador) que fez o melhor tempo no Super Prime de ontem, durante a especial perdeu rendimento devido a regulagem da bomba. “A equipe vai fazer o possível para deixar o caminhão em ordem para a largada de amanhã”, declarou Barrasa.

Já no Ford Cargo 1722e de Ulysses Marinzeck (piloto), José de Carvalho (co-piloto) e Evandro Baultz (navegador) o defeito foi na turbina e pneu furado. “Depois do radar de 80 Km em asfalto da planilha, entrando na terra, próximo dos 200 quilômetros de trechos cronometrados, havia um mata-burro esquisito, tivemos que fazer duas manobras, mas na última não deu, acabamos caindo e estourou o pneu. Foi aquela correria para trocar e voltar logo pra prova. Mesmo assim conseguimos ganhar uma posição”, contou Marinzeck.

Na segunda etapa desta quinta-feira, partindo de Santa Helena, os competidores terão um percurso de 469 quilômetros, sendo 334 quilômetros de especial, e o restante em deslocamento, até a Cidade de Goiád (GO). O Rally dos Sertões 2009 terá dez etapas ao todo, e irá percorrer 5.056 quilômetros, sendo 51% de trechos navegados. Após atravessar sete estados brasileiros, a caravana do rali chega em Natal (RN), no dia 03 de julho. Fotos:Haroldo Nogueira,Sanderson Pereira e Paulo Prado/HL Estúdio.