Duplas cearenses terminam entre os nove da categoria no Rally dos Sertões

28 de junho de 2009

Os cearenses Cleber Rosa/Eduardo Rebouças e Luiz Aguiar/Sérgio Bessa completaram a quarta etapa do Rally Internacional dos Sertões. As duplas da Equipe Evolution Racing Team realizaram no sábado (27) a etapa mais longa da prova com um total de 764 quilômetros, destes 373 de trechos cronometrados entre Minaçu (GO) e Palmas (TO). As duplas finalizam a quarta etapa entre os nove primeiros da Super Production. Cleber e Rebouças chegaram em 7º na categoria e 20º na geral com o tempo de 5h59m48s. Enquanto Aguiar e Bessa (6h20m53s) terminaram em 9º na categoria e 25º na geral, segundo o resultado extra-oficial.

Com este resultado de sábado, Aguiar e Bessa passam a ocupar a 7ª posição na categoria no acumulado das quatro etapas. Já Cleber e Rebouças estão na 14º posição, devido a uma penalização recebida na segunda etapa, quando não conseguiram completar a prova. Mas nos dois últimos dias os carros foram poupados ao máximo e o desempenho de ambos melhorou consideravelmente. “A especial foi a mesma do ano passado, fazendas, estradas boas para acelerar, um trial pesado, rios e passamos por lugares maravilhosos. A intenção é manter um equilíbrio e constância com a mesma tocada que é o que vai definir o rali nos próximos dias”, avalia Cleber.

Aguiar conta que tomou um susto no trecho de serra. “Hoje vi o rali quase acabar para nós. Passamos por trechos perigosos e num deles nosso carro ficou pendurado em um desfiladeiro. O Bessa conseguiu fazer um pêndulo e conseguimos sair. Estamos levando o rali na nossa tocada e terminando todos os dias com o carro inteiro e está dando certo, pois estamos em 7º no acumulado”, conta o piloto.
A equipe cearense parte neste domingo (28) para a quinta das dez etapas do rali. O destino agora é Luis Eduardo Magalhães na Bahia. A etapa terá 539 quilômetros, destes 301 de trechos cronometrados. A organização avisa que será a especial mais rápida da competição. Fotos:Márcio Machado.