GP2: pit stop lento tira pódio de Lucas na Alemanha

11 de julho de 2009

Com uma ótima largada, Lucas Di Grassi (Eurobike/Schioppa) pulou da terceira para a segunda colocação na primeira curva da corrida disputada neste sábado (11) em Nurburgring, na Alemanha, palco da nona e décima etapas do Campeonato Mundial de Fórmula GP2. No entanto, um problema na parada de box prejudicou o desempenho do brasileiro, que cruzou a linha de chegada na sétima posição, o que lhe dará o direito de largar em segundo amanhã (12), já que o grid de domingo inverte os oito primeiros colocados em relação à corrida de sábado. O mexicano Sérgio Perez, da Arden, oitavo na prova, larga em primeiro.

O vencedor foi o alemão Nico Hulkenberg, da ART Grand Prix, com o espanhol Roldán Rodriguez, da Piquet GP, em segundo, e com o sul-africano Andreas Zuber, da FMSI, fechando os três primeiros. A liderança do campeonato continua com o franco-suíço Romain Grosjean, da Addax – 16º na corrida de hoje – com 40 pontos. Hulkenberg subiu à vice-liderança com 39; o russo Vitaly Petrov, também da Addax, soma 38, enquanto Lucas subiu uma posição e agora é o quarto, com 26 pontos.

Di Grassi, que largava em terceiro, ganhou o segundo posto na freada para a primeira curva e administrava a pressão de Roldán Rodriguez até o início das paradas de pit stop. Lucas, que optou por trocar os quatro pneus de seu carro (o regulamento obriga a troca de pelo menos dois pneus), enfrentou problemas na parada. “A equipe teve dificuldade para substituir uma das rodas e perdemos ali coisa de seis, sete segundos. Estava em segundo e caí para o nono lugar”, contou.

“Nosso carro não era o mais rápido, mas era bastante competitivo. Não fosse o problema no pit stop, chegaríamos no pódio. Paciência. Agora é pensar na corrida de amanhã (domingo), em que vamos largar da primeira fila”, consolou-se o brasileiro, que diminuiu para 14 pontos a diferença para o líder Grosjean.

“O objetivo para domingo é conquistar o máximo de pontos possível, o que é bastante possível, já que vamos largar na frente do Grosjean, do Petrov e do Hulkenberg, que estão à minha frente no campeonato. Os dois pontos conquistados hoje podem significar mais pontos amanhã”, afirmou o brasileiro, que há duas rodadas duplas venceu a prova de domingo na Turquia.  A segunda corrida terá largada às 5h30 (de Brasília) deste domingo (12), com transmissão ao vivo pelo canal a cabo SporTV.