Indy Lights: James Davison vence de ponta a ponta em Mid-Ohio

9 de agosto de 2009

O australiano James Davison venceu de ponta a ponta a 12ª etapa da Indy Lights, disputada neste domingo (09/08) no autódromo Mid-Ohio Sports Car Course, em Lexington, no estado de Ohio, nos Estados Unidos. O canadense James Hinchcliffe completou a corrida em segundo lugar, seguido pelo norte-americano J.R. Hildebrand, que manteve a liderança do campeonato.

Entre os brasileiros, o melhor colocado foi Felipe Guimarães, que terminou as 40 voltas das 100 milhas de Mid-Ohio na quarta posição. Bia Figueiredo foi a 12ª, Mario Romancini cruzou a linha de chegada em 17º e Rodrigo Barbosa não completou. “Eu tive um bom início de prova, mas problemas com a transmissão acabaram com a minha corrida”, explica Barbosa, que faz sua estréia na categoria.

Após uma boa largada, Rodrigo Barbosa(foto) começou a enfrentar problemas com sua transmissão logo no início da corrida. “Na quinta volta começou a falhar. Eu acabei rodando forte por conta disso e precisei parar nos boxes para trocar os pneus, que ficaram totalmente deteriorados”, explica o piloto da região de Sorocaba.

Mesmo com dificuldades para acionar as marchas, Rodrigo tentou seguir na prova. “Eu fui até a metade da corrida, quando a transmissão parou de funcionar por completo e fui obrigado a abandonar”, conta o titular da equipe brasileira ELFF Racing, que também faz sua primeira temporada na categoria de acesso à Fórmula Indy.

“Foi uma pena, porque o carro estava bem melhor na corrida e eu consegui andar junto com o pessoal”, se lamenta Rodrigo. A 13ª etapa da competição acontece no dia 23 de agosto, no circuito misto de Sonoma. “Vamos revisar o carro, trabalhar bastante e ir com tudo para essa corrida”, finaliza Barbosa.

Estes foram os 10 primeiros nas 100 milhas de Mid-Ohio:

1 James Davison (AUS), 40 voltas em 52min09s0000;

2 James Hinchcliffe (CAN), a 4s0420;

3 J.R. Hildebrand (EUA), a 5s7449;

4 Felipe Guimarães (Bra), a 16s9736;

5 Martin Plowman (EUA), a 17s5878;

6 Daniel Herrington (EUA), a 17s7405;

7 Andrew Prendeville (EUA), a 22s8275;

8 Stefan Wilson (ING), a 23s3200;

9 Richard Philippe (FRA), a 23s9752;

10 Gustavo Yacaman (COL), a 29s0975;

12 Bia Figueiredo (BRA), a 30s9071;

17 Mario Romancini (BRA), a 3 voltas;

19 Rodrigo Barbosa (BRA), a 20 voltas.

Confira como está a classificação do campeonato após 12 etapas:

 

1 J.R. Hildebrand (EUA), 420 pontos;
2 Sebastian Saavedra (COL), 357;
3 James Davison (AUS), 341;
4 Wade Cunningham (NZL), 336;
5 James Hinchcliffe (CAN), 333;
6 Mario Romancini (BRA), 306;
7 Daniel Herrington (EUA), 296;
8 Bia Figueiredo (BRA), 274;
9 Gustavo Yacaman ( COL ), 244;
10 Charlie Kimball (EUA), 243;
11 Andrew Prendeville (EUA), 241;
12 Martin Plowman (EUA), 228;
13 Richard Philippe (FRA), 203;
14 Pippa Mann (ING), 175;
15 Jonathan Summerton, (EUA), 162;
16 Ali Jackson (IRN), 157;
17 Pablo Danoso (CHI), 147;
18 Junior Strous (HOL), 146;
19 Rodrigo Barbosa (BRA), 142;
20 Jay Howard (ING), 123;
21 Stefan Wilson (ING), 112;
22 Mike Potekhen (EUA), 94;
23 Sergey Mokshantsev (RUS), 92;
24 Brandon Wagner (EUA), 74;
25 Jesse Mason (CAN), 69;
26 Felipe Guimarães (Bra), 67;
27 Sean Guthrie (EUA), 46;
28 Dillon Battistini (ING), 15;
29 Jonathan Bomarito (EUA), 12;
30 Logan Gomez (EUA), 11;
31 Duncan Tappy (ING), 8 pontos.