Bridgestone alerta para problemas nos freios e desgaste dos pneus em Valência

20 de agosto de 2009

Situada na costa do Mar Mediterrâneo, a cidade de Valência, na Espanha, abriga neste final de semana o Grande Prêmio da Europa de Fórmula Um. O circuito de rua pode trair os pilotos por conta do uso exigente dos freios em uma pista com pouca ventilação por causa dos muros ao seu redor. Além disso a proximidade do mar acaba trazendo sujeira para a pista dotada de razoáveis áreas de escape e com asfalto ondulado.

O traçado valenciano  tem 5440 metros e as 57 voltas vão completar 310,080 km. O ponto mais perigoso da pista é a curva fechada, para a direita, no fim da grande reta. A frenagem deve ser calculada levando em conta a sujeira acumulada no decorrer da prova, para o carro não mudar repentinamente de direção. Fonte Boletom Bridgestone. Foto:Bridgestone/Divulgação.