Álvaro parente chega em quarto na GP2

22 de agosto de 2009

Álvaro Parente conquistou hoje (22) um excelente quarto lugar na primeira corrida da GP2, disputada em Valência como parte do programa do Grande Prémio de Fórmula 1 da Europa.

Esperava-se uma prova dura para o piloto da Ocean Racing Technology, por causa de uma lesão no pescoço que sofreu nos treinos-livres de sexta (21). Mas, Álvaro Parente esqueceu todas as dificuldades e lançou-se para uma exibição notável. O piloto português largou bem, subindo ao quinto posto ao passar Roldan Rodriguez na aceleração para a primeira curva.

Roldan Rodriguez foi pressionado por Álvaro Parente e acabaria errando, deixando passar o portuense que se colocou imediatamente no encalço de Lucas di Grassi. O brasileiro, bastante experiente, aguentou bem as investidas do português, mas a três voltas do fim, o piloto da Racing Engineering sentiu problemas hidráulicos, permitindo a Álvaro Parente assumir o quarto lugar final. “Não dava para muito mais! Não tínhamos andamento para os dois primeiros e neste circuito é muito difícil ultrapassar. Consegui aproveitar um erro do Roldan Rodrigues e beneficiar dos problemas do Lucas di Grassi para subir duas posições. O pescoço ainda me dói um pouco, mas não foi isso que me impediu de realizar a corrida. Este quarto lugar é um bom resultado face às circunstâncias”, admitiu o piloto apoiado pela Soccerade, Delta, TMN, Aurora Group, Geotur e Cision.