Super GT: João Paulo larga da quinta fila em Suzuka

22 de agosto de 2009

O brasileiro João Paulo de Oliveira vai largar da quinta fila na sexta etapa do Campeonato Japonês de Super GT, que será disputada neste domingo (23) em Suzuka, no Japão. Com dificuldades com os pneus Yokohama de seu Nissan GT-R, ele fez o décimo tempo na segunda classificação. “Não sabemos exatamente qual o motivo de não sermos mais rápidos aqui. Talvez nossos pneus não se adaptem tão bem a Suzuka assim. O acerto do carro não está mal, mas os pneus e o lastro restringiram nosso desempenho. De qualquer maneira, a corrida tem 700 km e então vai valer muito a constância”, comentou o terceiro colocado no principal certame de carros esportivos do Oriente.

O primeiro treino livre para os 700 km de Suzuki não foi alentador para João Paulo. Ele terminou apenas com o 11º tempo. “Algum problema de motor nos impediu de fazer um tempo melhor. Vamos ver isso agora para não termos o mesmo problema na classificação”, disse antes da definição do grid.

A partir desta etapa a Super GT adotou o sistema de classificação em três fases, como na F-1, em que o piloto que registrar as voltas na segunda sessão é obrigado a ceder o lugar para seu companheiro no treino final. A Nissan escolheu o brasileiro para participar das duas primeiras, que determinariam os oito mais rápidos para disputarem entre si a pole position. “Como tivemos alguns problemas no motor e Seiji Ara não andou muito no treino, a equipe tomou essa decisão. Nós acreditamos ser a estratégia mais segura”, explicou JP, como ele é conhecido na Ásia.

No entanto, Oliveira teve dificuldades e não conseguiu passar seu Nissan GT-R para a terceira fase. “Terminei com o 10º tempo e ficamos no Qualifying 2. O carro está bem acertado. Extraí tudo que tinha, portanto, precisamos de melhoras para brigar amanhã”, lamentou. “Parece que os nossos pneus não estão se adaptando muito bem às condições. O lastro do carro também é um fator, temos 74 quilos a mais. Precisamos encontrar um equilíbrio consistente para domingo”, definiu.

De qualquer maneira João Paulo de Oliveira está otimista para a corrida de longa duração. “Na sessão da noite ficamos com o sexto tempo. Com a temperatura mais baixa, tivemos mais grip”, apontou. “Amanhã a previsão é de muito calor, por isso escolhi pneus bem duros pra largar. Vamos ver se beliscamos uns bons pontos. Afinal, são 700 quilômetros , muito chão”. Foto:Divulgação.

Os dez primeiros no grid de largada são:
1 Hiroaki Ishiura (JAP)/Kazuya Oshima (JAP), Lexus SC 430 (B), 1min55s724;
2 Ronnie Quintarelli (ITA)/Hironobu Yasuda (JAP), Nissan GT-R (M), 1min55s781;
3 Bjorn Wirdheim (SUE)/Daisuke Ito (JAP), Lexus SC 430 (B), 1min56s013;
4 Richard Lyons (IRL)/Yuji Tachikawa (JAP), Lexus SC 430 (B), 1min56s104;
5 Ralph Firman (GBR)/Takuya Izawa (JAP), Honda NSX (B), 1min56s214;
6 Ryo Michigami (JAP)/Takashi Kogure (JAP), Honda NSX (B), 1min56s765;
7 Andre Lotterer (ALE)/Jyuichi Wakisaka (JAP), Lexus SC 430 (B), 1min56s925;
8 Loic Duval (FRA)/Yuki Nakayama (JAP), Honda NSX (D), 1min56s954;
9 Yuji Ide (JAP)/Shinya Hosokawa (JAP), Honda NSX (B), 1min56s574;
10 João Paulo de Oliveira (BRA)/Seiji Ara (JAP), Nissan GT-R (Y), 1min56s725.