Lucas conquista mais um pódio, desta vez em Spa

29 de agosto de 2009

Na manhã deste sábado (29) o circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica, recebeu a 15ª etapa do Campeonato Mundial de Fórmula GP2. O brasileiro Lucas Di Grassi (Eurobike/Schioppa), conquistou um bom resultado e terminou a corrida em terceiro. Lucas, que havia marcado o segundo melhor tempo no treino classificatório, sofreu uma punição e perdeu três posições no grid. “Na tomada de tempo, quando fui voltar à pista, não fui informado que vinha um piloto em sua volta rápida. Não o vi e realmente acabei atrapalhando. Mas com certeza não tive nenhuma intenção de prejudicá-lo”, declara Lucas.

Mesmo partindo em quinto, o brasileiro da equipe Racing Engineering conseguiu superar Vitaly Petrov logo na largada e ainda na primeira volta ultrapassou o brasileiro Diego Nunes, assumindo o terceiro posto. A vitória ficou com o pole position Álvaro Parente, da equipe Ocean Racing Technology, que pela primeira vez sobe ao lugar mais alto do pódio. O líder do campeonato, o alemão Nico Hulkenberg, terminou na segunda colocação.

Mesmo tendo assumido o terceiro posto no início da prova, o trabalho de Lucas não foi nada fácil. As coisas se complicaram quando restavam 11 voltas para o final. Após um acidente entre Luca Fillippi e Davide Valsecchi o safety car entrou na pista. Na relargada o brasileiro, que já enfrentava problemas nos pneus dianteiros, ficou impossibilitado de pressionar o segundo colocado, Hulkenberg, e passou a se defender dos ataques do venezuelano Pastor Maldonado. “Na segunda metade da corrida meu carro sofreu com o desgaste excessivo dos pneus dianteiros e restando duas voltas, quebrou o drive shaft (semi-eixo). Com isso, tive que segurar do jeito que deu”, relata o brasileiro.

No momento da quebra, Lucas contou com uma pitada de sorte, pois um acidente com o piloto Stefano Coletti causou uma nova entrada do safety car quando restavam duas voltas para o final da corrida, que foi definida com o carro de segurança na pista. “Por sorte houve a entrada do safety car e consegui me manter em terceiro”, finaliza.

Confira os oito primeiros da corrida deste sábado em Spa, que largarão em ordem invertida na prova deste domingo (30), com transmissão ao vivo pelo canal por assinatura SporTV2, a partir das 5h30 (horário de Brasília):

1. Alvaro Parente (Portugal), 54min12s997
2. Nico Hulkenberg (Alemanha), a 0s943
3. Lucas Di Grassi (Brasil), a 3s179
4. Pastor Maldonado (Venezuela), a 3s468
5. Diego Nunes (Brasil), a 4s105
6. Roldán Rodríguez (Espanha), a 4s349
7. Giedo Van der Garde (Holanda), a 4s887
8. Kamui Kobayashi (Japão), a 5s469