Ajuda do governo Obama leva Ford a recuperar vendas nos Estados Unidos

3 de setembro de 2009

As vendas da Ford nos Estados Unidos registram um aumento da ordem de 17% nos últimos 12 meses, até agosto passado. No global, as revendas oficiais das montadoras norte-americanas venderam 690.114 veículos nos meses de julho e agosto quando se encerrou o programa de incentivos, concedido pelo governo, que facilitou a troca de veículos completamente deteriorados. Esse programa permitiu que, em agosto último, as vendas de automóveis nos Estados Unidos ultrapassassem a casa de 1 milhão de unidades, atingindo um volume recorde nos últimos 20 meses.

Com esse avanço, os analistas de mercado projetam cerca de 10 milhões de veículos vendidos até o final de 2009, no mercado americano. O ranking das 10 marcas mais vendidas registrou a Toyota e Honda, com três modelos cada uma e a Ford com dois. O maior destaque foi a retomada das vendas da Ford com crescimento de 53% em relação a agosto de 2008. As vendas da Toyota, em agosto de 2009, ficaram 22% acima de mesmo período do ano anterior e as da Honda, 20%.

Os 10 modelos mais vendidos nos Estados Unidos, em agosto de 2009, foram: 1. Toyota Corolla; 2. Honda Civic; 3. Toyota Camry; 4. Ford Focus FWD; 5. Hyundai Elantra; 6. Nissan Versa; 7. Toyota Prius; 8. Honda Accord; 9. Honda Fit e 10. Ford Escape FWD. O volume de dinheiro que passou pelas concessionárias daquele país, após as vendas de 690.114 unidades foi de US$ 2.877.8 milhões.

Apesar do êxito nas vendas, no entanto, as ações da Ford caíram 1,14% no período, resultado bem melhor que o das ações do Citigroup -9,20%, Morgan Stanley -5,21% e JPMorgan -4,12%. Foto:Ford/Divulgação.