The Times divulga trechos da conversa de rádio da Renault em Cingapura

15 de setembro de 2009

Cada vez mais fica difícil provar a isenção dos dirigentes da equipe Renault na participação direta do acidente do piloto brasileiro Nelson Piquet no Grande Prêmio de Cingapura de 2008. Nesta terça o jornal britânico The Times publicou, com exclusividade, a transcrição dos diálogos, via rádio, entre a equipe e os pilotos.

Segundo o periódico inglês Pat Symonds, o diretor de engenharia da Renault, teria mudado a estratégia do espanhol Fernando Alonso, antecipando sua parada nos boxes, fato que gerou surpresa aos engenheiros do time. Em seguida Symonds ordena Nelsinho a provocar o acidente.

Após a batida o piloto pede desculpas ao membros da equipe.

O The Times revela ainda que na gravação Flávio Briatore, diretor da Renault, teria xingado o brasileiro e afirmando que “ele não é um piloto”.

Na próxima segunda (21) A FIA vai ouvir o depoimento, em Paris de integrantes da  Renault e de Symonds e Briatore.

O presidente da FIA, Max Mosley, na reportagem do The Times lembrou que se a equipe for considerada culpada, Nelsinho não será punido por ter cooperado com as investigações, além, disso a FIA teria procurado Pat Symonds, que já negou as acusações, para oferecer o mesmo benefício dado a Piquet, isentando o diretor caso ele colabore e diga toda a verdade.

Imagem:Reprodução da Páguna do The Times na Internet.