Pick-up: Iserhard tem dia difícil de aprendizado no Rio

18 de setembro de 2009

Quinto colocado no campeonato da Pick-up Racing, Rafael Iserhard (Postos Charrua) teve uma sexta-feira de aprendizado no Rio de Janeiro. O piloto da M4T andou pela primeira vez no circuito de Jacarepaguá, e sentiu na pele as dificuldades do seletivo traçado de 3.336 metros.

“A pista não é a mesma dos tempos de F-1, mas, ainda sim, é bastante exigente”, disse o representante de Santa Cruz do Sul, que foi 12º e 14º nas duas sessões de treinos livres do dia. “Estou tendo dificuldade na adaptação da pista”, comentou.

“No entanto, espero encontrar o caminho certo na classificação de amanhã, apesar de ter direito a duas voltas lançadas, apenas. Tenho muito que melhorar”, completou o gaúcho, que teve como melhor desempenho um segundo lugar na etapa de Santa Cruz, a segunda do ano.

Para Marcelo Ferreira, engenheiro responsável por Iserhard, o carro precisará passar por alguns acertos: “Fizemos alguns testes e não chegamos ao objetivo, que era melhorar. Vamos mudar o setup, pois aqui, em função do asfalto, ficou complicado”, afirmou, referindo-se ao calor de 30ºC que fez na região.

Neste sábado, a Pick-up Racing disputa a tomada de tempos que definirá o grid de largada da quinta etapa, marcada para as 10h15 (de Brasília). A sessão pode ser acompanhada via live timing, por meio do site da Cronomap (www.cronomap.com.br).

A Pick-up Racing tem transmissã ao vivo, a partir das 13h, deste domingo pela Rede Vida, Canal Speed e pela Race TV (www.racetv.com.br) Foto:Vanderley Soares./Divulgação.