Pato Branco começa a viver as emoções de uma corrida na terra

9 de outubro de 2009

A partir das 8 horas de amanhã (sábado), os motores roncam em Pato Branco, no Sudoeste do Paraná. No domingo será disputada a quarta etapa da Copa Paraná de Velocidade na Terra. A prova faz parte da programação de inauguração do Autódromo de Terra de Pato Branco. A promoção e organização são do Clube Motores e Cia, com supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

A pista terá 1.400 metros de extensão, com seis curvas, sendo quatro para a esquerda e duas para a direita. Esta localizada numa área de 190 mil metros quadrados (sete alqueires). No complexo também estão as pistas de Arrancada e de Cavalo de Aço. A estrutura do Clube Motores e Cia é uma das melhores do Brasil, com pesque e pague, piscinas, ampla área verde, três áreas de camping e restaurantes.

Os treinos livres serão amanhã das 8 às 12 horas e das 13h30 às 15h30. A partir das 15h30 serão realizados os treinos classificatórios, que definirão o grid de largada de todas as categorias; No domingo, a primeira bateria de todas as categorias serão disputadas a partir das 9h30, enquanto que a segunda bateria serão a partir das 14 horas.

A Copa Paraná de Velocidade na Terra tem se destacado pela competitividade em todas as categorias. Com três etapas já realizadas, a categoria Fórmula Tubular tem como líder Renaldo Hamilton, de Toledo. Os demais líderes são Marcos Lohmann (Marechal Cândido Rondon) na categoria Super Fórmula Tubular; Carlos Haus (Cascavel), Marcas; Édson Campos Júnior (Maringá), Kartcross 2 Tempos; Leandro Hoffmann (Maripá), Kartcross 4 Tempos Original; e Dirceu Thomaz (Quatro Pontes), na categoria Kartcross 4 Tempos Livre.

 

Classificação da Copa Paraná de Velocidade na Terra após três etapas

Categoria Fórmula Tubular

1º) Renaldo Hamilton, com 27 pontos
2º) Márcio Bedin, 21 – Leandro Stefanello, 21
4º) Marlon Rafael Lunkes, 18
5º) Nízio Giacomini, com 4 pontos

Categoria Super Fórmula Tubular
1º) Marcos L. Lohmann, com 45 pontos
2º) Deoclécio Cenedese, 44
3º) Júnior Helte, 42
4º) Renaldo Hamilton, 40
5º) Solano Prates, 39
6º) Ivan C. Scrocynski, 36
7º) Miguelito R. Gargin, 33
8º) Marlon Rafael Lunkes, 26 –  Jaime A. Pohl, 26
10º) Alessandro J. dos Santos, com 22 pontos

Categoria Marcas
1º) Carlos A. Haus, com 61 pontos
2º) Tiago Dunke, 49
3º) Clóvis Schimidt, 46
4º) André Orlando Soffa, 39
5º) Leonir C. Backes, 38     
6º) José N. Ficagna, 23
7º) Luciano Cortina, com 10 pontos

Categoria Kartcross 2 Tempos
1º) Edson L. de Campos Júnior, com 54 pontos
2º) Zigomar E. Scholer, 53
3º) Élio Medeiros, 47
4º) Andriel F. Arcaro, 45
5º) Jéferson Finardi, 41
6º) Eurides Zang, 36
7º) Jaimir Adoryan, 28
8º) Fábio Júnior de Faveri, 22

9º) Vilmar Koepp, 13 – Rafael G. Olmo, com 13 pontos

Categoria Kartcross 4 Tempos Original

1º) Leandro Hoffmann, com 63        pontos
2º) Dagoberto Boehn, 56
3º) Romeu Wiebrantz, 48
4º) Egon Berghofer, 39
5º) Edilvan Sena Pieroli, 25 – Dirceu Mascarello, 25 –  Fernando Sausen, 25
8º) Rodrigo Pessarini, 21
9º) Jéferson Duarte Baldin, 18 –  Ivan Luiz Hirt, com 18 pontos

Categoria Kartcross 4 Tempos Livre
1º) Dirceu Thomas, com 57 pontos
2º) Eurides Zang, 50
3º) Antônio Soares, 33
4º) Valter Rodrigues Alves, 26
5º) Egon Betghoffer, 24
6º) Anderson Weirich, 17 – Paulo Lengert, 17
8º) Romeo Wiebrantz, 12
9º) Éloi Lengart, 11
10º) Sidnei Zanardi, com 10 pontos