Roberval vê desvantagem em Santa Cruz e trabalha para reduzir vantagem dos líderes

22 de outubro de 2009

O ritmo de trabalho de pilotos e equipes torna-se ainda mais intenso na reta final do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck. Faltando três corridas para o encerramento da temporada de 2009, nove pilotos têm chances matemáticas de conquista do título. A lista de candidatos tende a ser reduzida na oitava prova, que será disputada neste domingo (25) marcando a estreia da categoria no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul.

A primeira corrida de Fórmula Truck no circuito gaúcho desafia os pilotos com um traçado desconhecido. “Ninguém correu lá, ainda, mas é um traçado que tende a favorecer um pouco os caminhões pequenos”, aponta Roberval Andrade, piloto paulista que representa a Scania e ocupa o terceiro lugar na classificação do campeonato. “Há apenas uma grande reta, onde caminhões grandes como o meu podem levar alguma vantagem”, ilustra.

Andrade não teve contato direto com o seletivo traçado de 3.530 metros. “Só conheço dos boxes, de onde acompanhei um evento lá. Algumas equipes até fizeram treinos em Santa Cruz. Os nossos treinos preparatórios aconteceram em Goiânia, a disponibilidade da pista de Santa Cruz não coincidiu com a agenda da equipe”, explicou o piloto. “A nossa luta vai ser para diminuir, na pista, a vantagem dos caminhões pequenos”, ele elege.

Ainda apostando em suas chances de ser campeão pela segunda vez na Truck, Andrade promete empenho máximo. Na etapa passada, em Buenos Aires, também uma pista desconhecida para a categoria, ele largou da pole-position e liderou até que a turbina de seu Scania explodiu. “Vamos com tudo, como fomos em Buenos Aires. Vou pisar fundo, andar no limite do caminhão. Vou tentar a pole, a vitória, a ideia é diminuir a vantagem dos líderes”, diz.

Dois pilotos da Volkswagen, Valmir Benavides e Felipe Giaffone, ocupam as duas primeiras posições na tabela, respectivamente com 128 e 109 pontos. Andrade, que tem no caminhão número 15 as logomarcas de Knorr-Bremse, Banco Pan-Americano, Scania, Rodafuso, Guerra, BorgWarner, Frum, Companhia Athletica, Tanesfil e Niju, soma 93. Giaffone tem quatro vitórias no ano. Benavides, Andrade e Geraldo Piquet venceram uma vez, cada.

Os treinos da Fórmula Truck em Santa Cruz do Sul serão abertos na tarde desta sexta-feira (23). A corrida, domingo, terá largada às 13h de Brasília. A Rede Bandeirantes transmitirá a disputa ao vivo, com narração de Téo José, comentário de Eduardo Homem de Mello e reportagem de Luiz Carlos Silvério. A geração de imagens é da paranaense Master TV. Após sete etapas, a classificação completa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck é a seguinte:
 
1º) Valmir Benavides (SP/Volkswagen), RM Competições, 128
2º) Felipe Giaffone (SP/Volkswagen), RM Competições, 109
3º) Roberval Andrade (SP/Scania), RVR Motorsport, 93
4º) Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), ABF Competições, 80
5º) Renato Martins (SP/Volkswagen), RM Competições, 70
6º) Geraldo Piquet (DF/Mercedes-Benz), ABF Competições, 69
7º) Djalma Fogaça (SP/Ford), Ford Racing Trucks, 54
8º) Vignaldo Fízio (SP/Mercedes-Benz), Pacaembu Team, 42
9º) Beto Monteiro (PE/Iveco), Scuderia Iveco, 37
10º) Danilo Dirani (SP/Volvo), ABF Competições, 31
11º) Fabiano Brito (PR/Volvo), ABF Competições, 27
11º) Fred Marinelli (SP/Iveco), Marinelli Competições, 27
13º) Adilson Magalhães (SP/Iveco), Scuderia Iveco, 25
14º) João Marcos Maistro (PR/Volvo), Clay Truck Racing, 20
15º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão Racing, 17
16º) Leandro Reis (GO/Scania), Original Reis Competições, 14
16º) José Cangueiro (SP/Mercedes-Benz), Mercalf Competições, 14
16º) Débora Rodrigues (SP/Volkswagen), RM Competições, 14
19º) José Maria Reis (GO/Scania), Original Reis Competições, 7
20º) Adalberto Jardim (SP/Ford), Ford Racing Trucks, 5
20º) Gaston Mazzacane (ARG/Ford), ABF Competições, 5
20º) Urubatan Helou Júnior (SP/Ford), Ford Racing Trucks, 5
23º) Régis Boessio (RS/Volvo), Boessio Competições, 4