Nem a chuva diminuiu o ânimo no Rally Fiat Universitário

25 de outubro de 2009

Num total de 154 participantes, entre pilotos, navegadores e zequinhas, encheram de alegria as avenidas e trilhas da região de Novo Hamburgo(RS), neste domingo (25), durante a nona prova da temporada do Rally Universitário Fiat. O percurso de 124 quilômetros passou por mais seis municípios: Portão, Lindolfo Collor, Presidente Lucena, São José do Hortêncio, Linha Nova e São Sebastião do Caí. O evento arrecadou 616 latas de leite em pó, repassadas para a Casa de Passagem Anjo da Guarda. A categoria Universitário foi vencida pela dupla Luciano Rech / Marcelo Fabro. Com outros parceiros, haviam participado da prova, em 2008, de Caxias do Sul. “Ficamos sem equipe e resolvemos competir juntos no último instante”, contou Marcelo, que vencera ano passado.

As mulheres voltaram a marcar presença. Sândia Reichert e Rosana Silveira souberam do evento através de seus maridos, que haviam participado, em 2008, em Caxias do Sul. Como eles decidiram competir juntos mais uma vez, elas não tiveram dúvida, inscreveram a equipe As duas mosqueteiras, “para ganhar deles”, revelou Sândia, navegadora do carro 114, um número à  frente do veículo dos maridos, que concluíram na 19ª posição, seis à frente delas.

O trio Poderosas do Asfalto, formado pelas professoras municipais Rosane Nascimento, Fátima Nunes e Gidiane Ross tem uma história parecida. Como o marido de Fátima estava em uma equipe da Tour Adventure, abriram concorrência na Turismo e explicaram a escolha do nome. “Queríamos um que fosse original, feminino e demonstrasse o poder da mulher”, contou Fátima, 25ª da Turismo.

A competição também teve um “carona” dos mais novos na história do evento. Acompanhada pelo marido Marcelo Dieder, Marla Dieder, grávida de 5 meses, explicou que não teve dúvidas quando recebeu o convite para competir: “topei na hora. Até dispensamos uma festa de aniversário”, explicou a competidora que aproveitou o ateliê de customização para acrescentar na camiseta do evento a frase “bebê à bordo”. Além de curtir a gravidez, Marcelo estava feliz por também estar realizando um sonho antigo. “Há muito alimentava o desejo de participar de um rally. Quando fiquei sabendo que o evento estava na cidade, não pensei duas vezes”, contou.

Foto:Divulgação.