Rodrigo Sperafico vence a sétima etapa da Copa Vicar

26 de outubro de 2009

Rodrigo Sperafico é o sétimo vencedor diferente na temporada 2009 da Copa Vicar. Após a estréia na etapa de Campo Grande, com um terceiro lugar, o piloto da Carlos Alves Competições (Peugeot) fez a pole e venceu a etapa de ponta a ponta, confirmando sua grande qualidade técnica. Sperafico completou as 45 voltas no Autódromo Internacional de Curitiba com o tempo de 40min19seg186. O segundo lugar ficou com Eduardo Berlanda, da F&F Racing (Peugeot), a 0seg.828, enquanto Rafael Daniel, da FTS Competições (Peugeot), completou o pódio, a 3seg. 440 segundos do líder. A próxima etapa da Copa Vicar será no dia 8 de novembro, em Brasília.

Em Curitiba, a Copa Vicar voltou a ser destaque, com suas disputas acirradas pelas primeiras colocações, além das inúmeras rodadas e toques entre os 29 carros que disputaram a prova. Sperafico que não tinha nada a ver com isso, fez uma ótima largada e manteve a liderança até a bandeirada final, sendo o sétimo vencedor diferente na temporada em sete provas realizadas, confirmando o grande equilíbrio da divisão de acesso da Copa Nextel Stock Car.

Rodrigo Sperafico, colmo era de se esperar, estava muito feliz com a vitória e com o desempenho do seu carro. “Foi uma prova muito disputada, que eu estava com um bom carro e só tive que segurar o pessoal e administrar a minha posição”, comentou o paranaense, que ainda destacou o pódio do irmão gêmeo, Ricardo, na Copa Nextel. “Muito bom que os paranaenses tenham andado bem neste final de semana”, completou.

Para Eduardo Berlanda, segundo colocado, a corrida não começou muito bem e teve que fazer uma prova de recuperação. “Meu carro estava muito bom, eu sai na quarta posição no grid mas fiz uma péssima largada e perdi algumas posições. Vim ultrapassando até chegar no Rodrigo, que soube me segurar até o final”, afirmou o paulista.

Rafael Daniel que assumiu a liderança do campeonato não tinha do que reclamar. “Minha corrida foi ótima, fiz uma boa largada”, comentou. Pensando no campeonato de equipes e pilotos ele preferiu não arriscar a terminar a prova. “Eu vinha mais rápido que o Sperafico em alguns momentos da prova pensei em passá-lo, mas não era momento para arriscar e depois da metade da prova o Berlanda veio rápido e atendendo um pedido da equipe resolvi deixar que ele passasse e garantir assim a terceira posição”, finalizou o paulista.

Com o resultado da prova em Curitiba as equipes FTS Competições e Carlos Alves Competições tem o direito de disputarem a Copa Nextel na temporada 2010. A classificação geral é a seguinte: 1 Rafael Daniel (SP), 92; 2 Júlio Campos (PR), 91; 3 Felipe Lapenna (SP), 89; 4 Diogo Pachenki (PR), 70; 5 Gustavo Sondermann (SP), 63; 6 Tiago Gonçalves (SP), 53; 7 André Bragantini Jr. (SP), 52; 8 Eduardo Leite (SP), 43; 9)Lucas Finger (PR)42; 10 Rodrigo Sperafico (PR) e Eduardo Berlanda (SP), 41.

Resultado da sétima etapa da Copa Vicar:

1º) 2 – Rodrigo Sperafico (Peugeot, PR), 45 voltas em 40:19.186
2º) 17 – Eduardo Berlanda (Peugeot , SP), a 0.828
3º) 22 – Rafael Daniel (Peugeot , SP), a 3.440
4º) 99 – Julio Campos (Peugeot , PR), a 4.756
5º) 4 – Gustavo Sondermann (Peugeot , SP), a 5.540
6º) 8 – Diogo Pachenki (Chevrolet , PR), a 11.094
7º) 21 – Lucas Finger (Chevrolet , SP), a 15.301
8º) 43 – Cássio H de Melo (Chevrolet , SP), a 26.324
9º) 31 – Ítalo Silveira (Chevrolet , MG), a 27.644
10º) 90 – Eduardo Leite (Peugeot , SP), a 27.775
11º) 14 – Diego Freitas (Peugeot, BA), a 28.397
12º) 69 – Tiago Gonçalves (Peugeot , SP), a 33.975
13º) 98 – Marcelo Tomasoni (Peugeot , SP), a 35.127
14º) 12 – Leonardo Vital (Peugeot , SP), a 37.226
15º) 23 – Marco Cozzi (Chevrolet , SP), a 39.313
16º) 28 – Galid Osman (Peugeot , SP), a 44.112
17º) 62 – Renato Russo (Peugeot , SP), a 1 volta
18º) 88 – Leandro Romera (Chevrolet, SP), a 1 volta
19º) 92 – Renato Rattes (Chevrolet , SP), a 1 volta
20º) 44 – Daniel Pflaumer (Chevrolet , SP), a 7 voltas
21º) 73 – Sergio Jimenez (Chevrolet , SP), a 18 voltas
22º) 10 – Felipe Lapenna (Peugeot , SP), a 22 voltas
23º) 54 – Murillo Macedo (Peugeot , SP), a 26 voltas
24º) 18 – Rodrigo Navarro (Peugeot , SP), a 26 voltas
25º) 9 – Cristiano Federico (Peugeot , SP), a 32 voltas
26º) 36 – Sergio Vida (Peugeot , PR), a 34 voltas
27º) 13 – André Bragantini (Peugeot , PR), a 39 voltas
28º) 6 – Juliano Moro (Chevrolet , SP), a 40 voltas
29º) 16 – Afonso Bastos (Peugeot, SP), a 43 voltas

Melhor Volta: Eduardo Berlanda, 52.766 (173,97 km/h).

Fernanda Freixosa/Agência We/Divulgação.