Mais uma vez, Juca Bala é o vencedor entre as motos. Nos quadris, deu Munir Lebbos

6 de dezembro de 2009

A 12ª edição do Rally dos Amigos, prova que encerrou a temporada de 2009 do off-road nacional, foi disputada neste sábado (5/12), no município de Itatinga, a 221 km de São Paulo. O evento foi válido como a 14ª etapa do Brasileiro de Cross-country para as categorias de carros e caminhões, e como a 7ª para motocicletas e quadriciclos.

Após uma semana de chuva intensa na região, o sábado amanheceu com sol e muito calor, as condições da pista melhoraram, mas continuaram difíceis para os competidores, com trechos de lama e muitas poças pelo percurso, com até 50 cm de água.

Entre as motos, a vitória na classificação geral foi do paulista Juca Bala, que compete na classe Rally Super Production. Depois de largar na segunda posição, Juca completou os 162 km do trecho cronometrado da corrida em 2h13min22. “A prova foi muito boa. Larguei em segundo e terminei um minuto mais rápido que o Denísio, que saiu dois minutos na minha frente. O único problema foi um galho que quase arrancou meu dedão”, comemorou o piloto, enquanto exibia a atadura na mão direita. Por conta de uma cirurgia para correção de uma fratura na mesma mão, Juca não participou de todas as etapas da temporada e chegou ao Rally dos Amigos sem chance de disputar o campeonato. Esta foi a segunda vitória dele na prova; a primeira ocorreu em 2004 e, no ano seguinte, o vice.

Com o título da temporada garantido com duas etapas de antecipação, o catarinense Denísio do Nascimento, que compete na categoria Rally Sport, largou na primeira posição, mas um pequeno problema durante o percurso lhe custou a liderança da prova.

“Este ano a pista estava mais rápida do que no ano passado, apesar de alguns trechos alagados. O piso estava pesado por causa da chuva, mas muito gostoso”, elogiou Nascimento. “Me desconcentrei por causa de uma pequena confusão no segundo ponto de reabastecimento e, logo em seguida, quando passei por uma poça, a moto morreu. Demorei mais ou menos um minuto para fazer ela pegar e isso me custou a liderança. O Rally dos Amigos reúne a nata do rally brasileiro e qualquer errinho pode te tirar da prova”, avaliou o campeão.

Quadricíclos
A primeira posição no Rally dos Amigos 2009 na categoria dos quadriciclos ficou para o mineiro de Belo Horizonte Munir Franco Khalil Lebbos, da classe Quad 450, que terminou em 12º na classificação geral, com o tempo de 2h32min45s50. “A pista este ano estava mais travada, o que beneficia os quadriciclos. Para a prova, aumentei de 10 para 14 litros o tanque de combustível e fiz um reabastecimento durante o percurso”, detalhou o vencedor.

Com o resultado, o piloto de apenas 19 anos de idade e que compete há oito também ficou com o título brasileiro da categoria. “Esta foi a quinta vez que participei do Rally dos Amigos e minha melhor colocação tinha sido um 2º lugar. No ano que vem, pretendo disputar o brasileiro de baja para pegar um pouco mais de experiência”, finalizou o campeão. A segunda posição na prova ficou com Valdir Aparecido do Amaral, vencedor na classe Quad Extreme e o 25º na geral.

Foto:André Chaco/Divulgação.