Chico Serra faz balanço de estréia no campeonato de supercarros

11 de dezembro de 2009

Chico Serra é um daqueles competidores de currículo invejável. Ex-piloto de Fórmula 1 e tricampeão da Stock Car são alguns dos principais feitos de Serra. Nesta temporada, além de competir na Stock Car, o piloto estreou no Itaiava GT3 Brasil e é só elogios para o campeonato de supercarros.

Correndo ao lado de Bruno Garfinkel com um Lamborghini Gallardo, Serra destaca o formato da categoria. “Foi meu primeiro ano na categoria, com o carro, correndo ao lado do Bruno”, disse. “Mas é uma categoria muito legal de participar. Gostei bastante da possibilidade de unir um piloto experiente e outro que está em formação”, detalhou.

Quanto à 2010, o piloto não dá indicações, mas já sonha com uma temporada ainda melhor no Itaipava GT3 Brasil. “Não tem nada certo ainda. Mas com certeza, eu continuando na categoria, a idéia é lutar por vitórias, que faltaram esse ano. Quem sabe até lutar pelo título.”, disse Chico, que participou de 10 provas neste ano e teve um segundo lugar, em Londrina, como melhor resultado, mas protagonizou belas disputas durante o ano com Allam Khodair (parceiro de Marcelo Hahn no F430) e com seu filho Daniel, companheiro de Chico Longo no Ferrari Scuderia.

O competidor também ressalta as qualidades do supercarro italiano nas pistas brasileiras. “Gostei muito de pilotar o Lamborghini. É um carro muito competitivo, mesmo sem muita preparação. Nas curvas é muito estável e tem uma boa suspensão também. Só tive alguns problemas com o câmbio, que fica no volante. Se fosse seqüencial, como é no LP560, seria bem melhor”, explicou Serra, referindo-se ao novo modelo, que teve estréia mundial na última etapa, em Interlagos, pilotado por Claudio Dahruj e Rafael Daniel e já conquistou uma vitória.

Foto:Luca Bassani/Divulgação.