Primeira etapa do Pirelli Superbike abre ocalendário de competições de Zandavalli

5 de fevereiro de 2010

A temporada 2010 a motovelocidade nacional será aberta neste domingo (7) no autódromo paulista de Interlagos, com a primeira etapa do Pirelli Superbike. A competição dividirá o calendário com o TNT Superbike, incorporado às provas automobilísticas do GT Brasil, e com o Brasileiro de Motovelocidade. Na prova de domingo, o único representante paranaense será Maycon Zandavalli, de Cascavel, que vai participar dos três campeonatos.
Piloto da Spiga Racing, Zandavalli embarcou motivado para São Paulo na tarde desta quinta-feira (4). “É um ano em que planejo conquistar campeonatos, a meta para esta corrida é estar entre os cinco primeiros. Não dá para esperar muita coisa, pelo menos da primeira bateria, até porque estou num ritmo de treino mais defasado que os demais pilotos. Na verdade, não fiz nenhum treino deste o início do ano. Preciso buscar o ritmo”, admite.
A necessidade que aponta de treinar para recuperar o ritmo de pilotagem faz com que Maycon Zandavalli dê especial importância à programação da sexta-feira (5), dia reservado a treinos livres. “Vou ficar na pista o dia inteiro, se puder, o que já vai me fazer destravar um pouco. Mas a corrida é outra coisa, por isso acho que na primeira bateria meu desempenho vai ser um pouco mais moderado. Mas estar entre os cinco é a meta real”, estipula.
Foi justamente o quinto lugar que Zandavalli conquistou em sua primeira e única atuação em Interlagos, no encerramento do Campeonato Brasileiro de 2009. Ele largou em sétimo, num grid composto por quase 30 pilotos. “Para esta primeira corrida do Pirelli Superbike, ainda vou para a pista com a modo antiga”, informa, citando o modelo 2009 da Honda CBR 1000RR da Spiga Racing. “Não próxima, já deverei estrear a versão de 2010”.
Será a primeira corrida de Zandavalli na temporada. No mês passado, ele viajou a São Paulo para disputar as festivas 500 Milhas Brasil, mas optou por não tomar parte da disputa. “Seria uma participação a título de treino, mas naquele fim de semana choveu muito, a moto que eu iria pilotar não era a minha, havia o risco de um acidente. Achei que seria mais prudente ficar fora. Agora, vou encarar esse calendário do começo ao fim”, comenta.

Foto:Divulgação.