Campeão de 2006, Felipe Guimarães busca vaga na Seletiva de Kart

24 de abril de 2010

Felipe Guimarães está de volta à Seletiva de Kart Petrobras. Neste final de semana, o piloto vai participar da etapa classificatória da região Centro-Oeste, a segunda prova do campeonato, que será no Kartódromo de Guará, nas proximidades de Brasília.

Campeão da categoria Graduado B em 2006, o piloto foi atraído para a disputa por dois motivos: o brasiliense vai correr em casa e está de olho no prêmio de R$ 105 mil, o maior do kartismo brasileiro, que pode ajudar a alavancar a carreira de um piloto no automobilismo.

“Estou muito feliz por voltar a competir na Seletiva de Kart da Petrobras. É uma disputa muito competitiva, que dá um prêmio que ajuda muito o piloto que quer ir para a Europa, e vai ser em Brasília, minha terra natal. Não poderia perder”, afirmou.

Com a agenda cheia por causa dos testes em Barcelona da GP3, principal categoria de acesso à Fórmula 1, o piloto, que também já defendeu o Brasil na A1 GP, ressaltou a importância de estar em um campeonato tão bem estruturado como a Seletiva de Kart Petrobras.

“Quem está brigando por um espaço na Europa, como eu, sabe o quanto é importante ser campeão da Seletiva e receber um prêmio que ajuda demais quem está lá fora. Mas não vai ser fácil ganhar. Tem gente muito boa na prova, como o Felipe Fraga e o Vinícius Perdigão”, afirmou Felipe Guimarães, que logo depois da etapa Centro-Oeste, no dia 9 de maio, embarca para Barcelona, onde vai estrear pela GP3.

Vale lembrar que a Seletiva de Kart Petrobras passa pelas cinco regiões brasileiras (Centro-Oeste, Sul, Sudeste, Norte e Nordeste) e só podem disputar as doze vagas disponíveis para a final pilotos entre 14 a 20 anos.

Na abertura do calendário, em São Paulo, três pilotos já garantiram seus lugares: Guilherme Salas, Victor Franzoni e Jonathan Louis. Agora, restam mais nove vagas e as próximas duas serão definidas nesta etapa do Centro-Oeste.

Serão realizadas três corridas neste final de semana. A primeira é neste sábado (24) e as outras duas no domingo (25). No entanto, só os vencedores das duas últimas provas é que garante vaga na grande final e a chance de disputar o prêmio de R$ 105 mil.

Texto: Rogério Rezeke