Em Silverstone, Bernoldi faz nova corrida de recuperação

1 de maio de 2010

Em mais uma corrida de recuperação, Enrique Bernoldi (Sangari), foi um dos destaques do Campeonato Mundial de GT1 neste sábado, no circuito de Silverstone. Pilotando o Maserati MC12 da Vitaphone Racing em parceria com o português Miguel Ramos, o paranaense terminou a corrida de classificação – que define o grid da prova de amanhã e dá pontos para os três primeiros – na nona colocação.

No qualifying, pela manhã, Bernoldi fez o oitavo tempo no Q1, sem usar pneus novos, e na fase seguinte (Q2), por força de regulamento é o parceiro que deve assumir a condução do carro. Miguel Ramos marcou o 13º tempo e não passou ao Q3, que definiria a pole position. Espremido na largada, o português perdeu quatro posições e começou uma reação para entregar o carro a Bernoldi em 14º lugar.

Com uma tocada agressiva, o brasileiro ganhou mais cinco postos – dois deles nas duas últimas voltas, em cima do Corvette de Andreas Zuber e do Lamborghini de Peter Kox. “Analisando friamente, por números, eu gostaria de estar mais à frente. A largada foi muito prejudicial à nossa corrida, mas o carro continuou excelente e pude imprimir um ritmo bem forte para ir recuperando posições”, destacou Enrique, que amanhã larga da 9ª colocação na Championship Race, a partir das 11h15 (horário de Brasília) e com transmissão ao vivo pela Bloomberg, canal 98 para assinantes NET.

“Amanhã vamos lutar para manter um ritmo rápido e ganhar o máximo de posições que pudermos. Vamos para cima”, completou Bernoldi.

Foto: DPPI/Divulgação.