Corrida de rua foi um teste para Wellington Justino

6 de junho de 2010

Ribeirão Preto, SP, 06 de junho de 2010 – Mais de 40 mil pessoas lotaram as arquibancadas do circuito de rua da Stock Car, montadas na cidade de Ribeirão Preto, no interior paulista. Foram disputadas as provas da Copa Caixa (5ª etapa), e Copa Chevrolet Montana (4º etapa), categoria de acesso à principal. Em uma corrida marcada por muitos toques e batidas, para Wellington Justino, cruzar a linha de chegada na mesma posição de largada, 7º, foi um bom resultado.

Durante os 40 minutos de prova, a corrida da Copa Montana foi paralisada quatro vezes, com a entrada do Safety Car, para retirada de veículos que atrapalhavam a pista. Justino mantinha a 7ª posição da largada, quando na 15ª volta, Diogo Pachenki, tentou uma ultrapassagem por dentro da pista, ocasionando um toque, mas o piloto goiano afirmou que não tinha como escapar da batida.

“A prova foi como eu já havia esperado, com muitas batidas, pois a pista apresenta dificuldades de pontos de ultrapassagem. Mesmo que o carro esteja mais rápido, tem que aguardar a chance de passar, e isso atrapalha bastante, além da quantidade de entradas de Safety Car. No início da corrida, o carro estava com problema no câmbio, a primeira marcha não entrava, e depois no final, foi o Power Shift, consegui terminar com ele falhando. No toque com o Pachenki, não tinha como tirar o pé (do acelerador), e ele que trouxe o carro para dentro e fechou o carro em cima de mim”, explicou Justino.

A quarta etapa da Copa Montana teve como vencedor o piloto Sérgio Jimenez. Com a 7ª colocação na corrida, Justino conquistou mais 09 pontos na classificação da temporada.

Foto:Vanderley Soares/Divulgação.