F-Truck e Top Race promovem Racing Day em Interlagos

21 de julho de 2010

A Fórmula Truck e a Top Race V6, duas das categorias mais populares do automobilismo sul-americano, se reúnem novamente para promover o maior Racing Day brasileiro, no Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, São Paulo.

No fim de semana dos dias 23, 24 e 25 de julho, os roncos dessas duas categorias estarão emocionando os aficionados pelo automobilismo de São Paulo. No ano passado, o mesmo evento levou cerca de 60 mil pessoas à Interlagos e deixou a imagem para a imprensa especializada como o maior evento do ano em Interlagos, depois do GP Brasil de Fórmula 1.

Para a Fórmula Truck, que corre pela 12ª vez em São Paulo, a mais importante etapa da temporada, o Grande Prêmio Vipal de Fórmula Truck, valerá pela quinta rodada do Campeonato Sul-americano e Brasileiro de 2010, enquanto a categoria argentina abrirá sua temporada 2010/2011 com a Top Race V6 e a Top Race Jr.

As duas categorias, argentina e brasileira, representam o que há de melhor no automobilismo esportivo sul-americano em competições multimarcas. A Fórmula Truck mantém um invejável equilíbrio correndo com seis marcas diferentes de caminhões (Mercedes-Benz, Volvo, Volkswagen, Ford, Iveco e Scania) com concepções originais totalmente diversas. Na preparação de seus equipamentos – que apresentam originalmente motores com aproximadamente 350 cavalos -, a transformação chega a registrar em dinamômetros (instrumento que mede a força de motores) perto de 1.300 cavalos.

A Top Race V6, categoria de turismo fundada em 1997 segue o mesmo formato da NASCAR dos Estados Unidos e atualmente também corre com seis marcas: Ford, Mercedes, GM, Mitsubishi, Volkswagen e Citroen. O carro é construído em chassi tubular como motor de seis cilindros em V e potência máxima estabelecida por regulamento de 350 cavalos.

A comunidade Top Race mantém a tradição argentina de ser um país com muita história em automobilismo esportivo, trazendo na história um dos mais conhecidos pilotos do mundo, Juan Manuel Fangio, pentacampeão da Fórmula 1, na década de 1950. Além de contar com 73 pilotos inscritos para Interlagos (38 da Top Race V6 e 35 da Top Race Jr.), 34 jornalistas argentinos já estão credenciados para o Racing Day do dia 25. “Para nós, a prova de Interlagos é a mais importante do ano. Todos os pilotos querem correr no circuito mais importante da América do Sul”, diz o chefe de Imprensa da Top Race, Leo Lucente. Estarão presentes em Interlagos, algumas estrelas do automobilismo argentino como Gabriel Furlan, Emiliano Spataro, Marcos Di Palma e Omar Martins.

Nos bastidores da Fórmula Truck, a agitação é grande na preparação para a corrida mais importante do ano. “Todas as equipes se renovam para Interlagos. Estruturas dos boxes, pinturas dos caminhões e até o uniforme dos mecânicos é revisto. Interlagos sempre vai ser a vitrine do nosso trabalho”, conta Roberval Andrade, vencedor do ano passado e de 2006 no circuito paulistano.

Pela tabela de classificação, dois pilotos do time oficial da Volkswagen, a RM Competições, aparecem como ponteiros com certa tranquilidade na primeira metade do campeonato. Valmir Benavides lidera a temporada com 97 pontos, seguido por Felipe Giaffone com 84, cada um com uma vitória na temporada. Em seguida, vem o paranaense Wellington Cirino (Mercedes-Benz) com 78 pontos, seguido de Leandro Reis e Roberval Andrade que correm com caminhões Scania, também com motores mais potentes, como o Mercedes-Benz de Cirino. Teoricamente os caminhões de motores de maior cilindrada conseguem certa vantagem em trechos como as duas retas e a subida da junção de Interlagos. Cirino e Andrade são os dois maiores vencedores no circuito paulistano, respectivamente com três e duas vitórias.

“Vai ser uma corrida muito disputada. Vejo todas as marcas andando bem em Interlagos, como o Volvo de Paulo Salustiano e o Ford do (Danilo) Dirani. Não temos como falar que uma marca é favorita porque o circuito é mais ou menos travado”, analisa o maior vencedor da Fórmula Truck, Wellington Cirino (2001/03/05/08).

Fotos:Orlei Silva/Divulgação.