Schumacher pede desculpas a Barrichello por manobra perigosa

3 de agosto de 2010

Depois das duras acusações a que foi alvo após o Grande Prêmio da Hungria de Fórmula 1, na sequência do ‘quase’ encontro imediato com Rubens Barrichello na corrida de ontem em Hungaroring, Schumacher recuou nas suas declarações, e depois de ter dito que “deixei espaço suficiente pois ele passou”, ou “quem me quiser ultrapassar tem de fazer por isso”, veio agora, no seu site oficial, fazer o ‘mea culpa’.

O heptacampeão mundial agora já admite que a sua manobra foi perigosa: “Ontem, depois da corrida ainda não estava em mim, mas depois de ver as imagens devo dizer que os Comissários têm toda a razão: a manobra foi muito perigosa”, admitiu Schumacher.

Michael Schumacher também pediu desculpa a Rubens Barrichello. “Se ele se sentiu ameaçado pela minha manobra, peço desculpa. Não era minha intenção pô-lo em perigo.”

Fonte:F1Mania.net – redacao@f1mania.net

Foto:Mercedes-F1