Competição das motos promete alto nível de competitividade

8 de agosto de 2010

O Rally Internacional dos Sertões comemora 18 anos de vida em 2010. Mesmo tempo em que a categoria motos compete na prova, pois é a única entre as quatro atuais – conta também com carros, quadris e caminhões – presente desde o seu início em 1993. A competição acontece entre os dias 10 e 21 de agosto, com largada em Goiânia (GO) e chegada em Fortaleza (CE), passando pelos Estados de Minas Gerais, Tocantins, Piauí e Maranhão.

A disputa das motos conta com 70 competidores inscritos e promete ser equilibrada – como tem sido em todas as edições anteriores, com brigas acirradas entre brasileiros e estrangeiros. Além disso, a competição também é válida para o Sertões Series e pelos campeonatos Mundial (FIM) e Brasileiro CBM) de Rally Cross Country.

A importância e o alto nível da prova atraíram consagrados nomes do off road mundial, como o espanhol Marc Coma (KTM), tricampeão mundial e bicampeão do Dakar, e o francês David Casteu (Sherco 450 SP). Os pilotos brasileiros não ficam atrás. O pentacampeão Zé Hélio (BMW 450) competirá pela equipe de fábrica da BMW e acredita ter boas chances de aumentar este recorde. “Será a primeira vez que vou ter acesso a um equipamento desenvolvido para rali dentro da fábrica. Vou fazer a minha parte e espero que o resultado seja bom”, comentou.

Vice-campeão das motos no ano passado, Deni do Nascimento lutará contra Zé Hélio e os estrangeiros para conquistar o título da 18ª edição do Sertões. Além dele, Dimas Mattos vai para sua 15ª participação na maior aventura do off road brasileiro com a experiência de ter competido duas vezes no Rally Dakar.

Foto: André Chaco / Foto Arena