GT Brasil: Sem usar pneus novos, Zonta é "top 5"

10 de setembro de 2010

Ricardo Zonta não se cansa. Depois de correr na Alemanha pelo FIA GT e, na semana seguinte, disputar a etapa de Interagos da Stock Car com o RZ Corinthians Motorsport, o ex-piloto das equipes McLaren, BAR, Jordan, Toyota e Renault na F-1 iniciou nesta sexta-feira as atividades para a etapa do Velopark do GT Brasil, a antepenúltima da temporada 2010.

A maratona de eventos (que continua na semana seguinte, com a etapa de Campo Grande da Stock Car) não impediu o paranaense de acelerar fundo e estabelecer o quinto melhor tempo no resultado combinado dos três treinos livres disputados. As práticas, disputadas com sol forte e temperatura na casa dos 26°C, serviram para Zonta e seu parceiro, Cláudio Dahruj, avaliarem as mudanças aplicadas no carro depois da etapa de São Paulo, disputada em agosto.

“O resultado de hoje nos deixou muito otimistas”, destaca o paranaense, campeão de 1998 do FIA GT, entre outros títulos de relevância internacional. “Depois da corrida em Interlagos, fizemos uma sessão de testes para melhorar o desempenho de nosso motor e conseguimos. O propulsor evoluiu bastante e, para completar, não usamos pneus novos, ao contrário de nossos concorrentes. Isso nos deixa muito otimistas para amanhã, independente das condições do tempo”, destaca.

O sábado, que promete uma virada climática na região do autódromo, localizado a 30 km de Porto Alegre (RS) _a previsão é de chuva e queda da temperatura ambiente_, será agitado para o GT Brasil. Às 9h25 (de Brasília), acontece o quarto e último treino livre antes da classificação para as duas provas, marcada para as 11h35. No período da tarde, será disputada a corrida inicial, às 15h53, com exibição da largada e de flashes na Rede TV!. A cronometragem pode ser acompanhada em tempo real tanto no computador quanto via celular por meio do site Cronomap (www.cronomap.com.br).

Confira os melhores tempos desta sexta-feira

1°. Chico Serra/João Adibe (Lamborghini), 53s662

2°. Chico Longo/Daniel Serra (Lamborghini), a 0s047

3°. Walter Derani/Antonio Pizzonia (Ferrari), a 0s056

4°. Aluizio Coelho/Claudio Ricci (Ferrari), a 0s518

5°. Claudio Dahruj/Ricardo Zonta (Lamborghini), a 0s676

6°. Marcelo Hahn/Allam Khodair (Lamborghini), a 0s680

7°. Juliano Moro/Paulo Bonifácio (Ford GT), a 0s951

8°. Valdeno Brito/Matheus Stumpf (Ford GT), a 1s143

9°. Xandy Negrão/Andreas Mattheis (Ford GT), a 1s200

10°. Bruno Garfinkel/Ricardo Mauricio (Lamborghini), a 1s233

Fotos:Fábio Oliveira/MS2