Stock Car: Motores começam a roncar na sexta-feira

16 de setembro de 2010

A programação oficial da oitava etapa da Copa Caixa Stock Car começa nesta sexta-feira, no Autódromo Internacional de Campo Grande. Última etapa antes da Super Final, que reunirá os dez melhores pilotos na briga pelo titulo de 2010, a capital sul-mato-grossense exigirá concentração dobrada de pilotos e equipes. Afinal, além de acelerar forte na busca dos melhores tempos e posições, muitos terão de fazer contas para descobrir as necessidade para entrar na segunda fase. São quatro vagas em jogo e 15 pilotos com chances matemáticas, além da briga pela melhor colocação entre os seis já garantidos.

O primeiro treino da Copa Caixa Stock Car será às 11h40 (horário local), ficando a segunda sessão para as 15h20, sempre com os pilotos divididos em dois grupos. Mas o dia começa mais cedo no circuito, com os treinos para a sexta etapa da Copa Chevrolet Montana, divisão de acesso, a partir das 9h45. No domingo, a Copa Caixa será transmitida ao vivo pelo Canal SporTV, além de um compacto no Esporte Espetacular. Já a Montana será apresentada ao vivo pela RedeTV, Speed Channel e RaceTV.

Com seis vencedores em sete provas, a Copa Caixa Stock Car segue repetindo o seu costumeiro equilíbrio. O melhor exemplo disso é que dos 34 pilotos que participam do campeonato, 21 ainda têm chances matemáticas de classificação. Verdade que alguns precisam de combinações incríveis, mas no automobilismo tudo pode acontecer. E é com o pensamento que tudo pode acontecer que equipes e pilotos estarão em Campo Grande em busca de uma das vagas.

Fazendo uma projeção (sem contar os recursos), seis pilotos já estão assegurados na Super Final, enquanto outros 15 lutarão pelas quatro vagas restantes. São eles Átila Abreu, da AMG Motorsport (Chevrolet), que tem 110 pontos; Ricardo Maurício, da Eurofarma RC (Chevrolet), com 96; Cacá Bueno, da Red Bull Racing (Peugeot), com 75; Max Wilson, da Eurofarma RC (Chevrolet); Nonô Figueiredo, da Cosan Mobil Super Racing (Chevrolet), com 66; e Daniel Serra, da Red Bull Racing (Peugeot), com 63. Estes lutarão para melhorar a posição final na primeira fase e, assim, assegurar a melhor posição possível na Super Final.

Foto:Fernanda Freixosa