Roberval confirma boa fase e repete pole de 2009 em Buenos Aires

19 de setembro de 2010

Roberval Andrade vive uma de suas fases mais positivas desde a estreia na Fórmula Truck, há dez anos. Vindo de vitórias nas duas últimas corridas, em São Paulo e em Londrina, o piloto da Scania Corinthians Motorsport comemorou neste sábado (18) a pole-position para a sétima etapa, em Buenos Aires. A prova deste domingo (19) no circuito número 8 do Autódromo Internacional Juan y Oscar Gálvez, na capital argentina, terá 25 pilotos na pista.

“Foi um dia cheio de trabalho, mas fantástico”, definiu Andrade, sobre os contratempos que marcaram a conquista de sua 20ª pole-position na categoria. “A equipe tomou a decisão de trocar o motor do caminhão entre o último treino livre e a tomada de tempos. O trabalho foi feito em tempo recorde, 1h55min”, enalteceu. “Deu tudo certo. O caminhão já estava bem acertado, eu só tive de fazer a minha parte. Foi apertado, mas estamos na frente”.

Andrade já havia conquistado a pole em Buenos Aires em 2009, primeira vez em que a Truck teve uma corrida fora do país – abandonou quando era líder, por conta de problemas mecânicos. “Desta vez o set up do caminhão é um pouco mais conservador, até porque essa corrida vai ser diferente daquela”, citou, sobre a instalação do radar que, em determinado ponto da pista, limita a velocidade dos caminhões em 160 km/h. A corrida de 2009 não teve o radar.

“Sem o radar, trabalhamos com o acerto de potência no limite, quando eu estava na frente a turbina quebrou. Com o radar, o acerto de todos para a corrida vai ser mais conservador. Em tese, isso nos favorecer por sair na frente. Estamos bem”, diz Andrade, que tem no caminhão número 100 as cores de Scania, Knorr-Bremse, Banco PanAmericano, Guerra, Mann, Superpar, Ibero Eixos, Nino Faróis, KS, ZF, Frum, Truckvan, Tanesfil, Cia. Athetica, Fix Implementos e Yamaha.

Esta é a terceira pole de Roberval Andrade no ano, repetindo o resultado das etapas de Guaporé e São Paulo. O piloto da Scania Corinthians Motorsport foi quem mais venceu em 2010. Além de São Paulo e Londrina, ganhou também a segunda etapa, no Rio de Janeiro. Ele está em terceiro no campeonato, com 102 pontos. O líder Felipe Giaffone, da Volkswagen, tem 116 e vai largar em terceiro. Valmir Benavides, também da Volks, vice-líder, é o segundo no grid.

André Marques, que cumpre sua temporada de estreia na Truck pela RVR Motorsport, equipe parceira da Scania Corinthians Motorsport, larga em nono. “Só me faltou um décimo (de segundo) para eu estar na Superpole pela primeira vez”, disse o piloto. “Mas tudo bem, evoluímos bem de ontem para hoje, mesmo com os problemas de alfândega que fizeram a gente ficar fora do primeiro treino livre. Tem sido um bom fim de semana”, emendou.

Marques, que tem no caminhão número 77 as cores de TNT Energy Drink e Scania, aponta sua rápida adaptação ao traçado de 3.337 metros do circuito portenho. “Eu Peguei a mão da pista, mesmo. A expectativa amanhã é de soltar meu grito, de enfim comemorar um lugar no pódio da Fórmula Truck. Não quero ser confiante demais, mas penso até mesmo em uma dobradinha com o Roberval na corrida”, acrescenta o piloto da RVR Motorsport.

Foto:Orlei Silva