Luiz e Cris Facco seguem na liderança do Campeonato

20 de setembro de 2010

Fim de semana com saldo positivo para a Equipe Acelera Siriema. Pontuando mais dez pontos no ranking do Paulista de Rally de Velocidade, a dupla Luiz e Cris Facco vence a quarta etapa em Águas de Lindóia e abre oito pontos (agora são 32) na liderança do campeonato na categoria A6.

Neste domingo (19), segundo dia de disputa, o percurso da prova foi alterado. A organização cortou trechos mais pesados que poderiam danificar os veículos e promoveu uma disputa perfeita aos competidores, acostumados a alta velocidade. Os três trechos cronometrados foram transformados em cinco Especiais no formato ida e volta e deu nova dinâmica ao certame.

“Com trechos de alta, indo e vindo, a prova estava sensacional e gostosa de andar onde foi possível acelerar bastante. Estávamos preparados para enfrentar trechos difíceis e com erosões, mas a organização conseguiu fazer uma prova maravilhosa e de alta velocidade”, elogia Facco.

Cris também aprovou o traçado e o bom desempenho da dupla. “O trecho pior foi cancelado e a prova ganhou uma dinâmica diferente com trechos alternados. Ficamos muito felizes com o resultado e com nossa participação nesta etapa que nos manteve na liderança”, afirma a navegadora.

A equipe foi a mais rápida nos dois dias na A6 e ainda fechou com o melhor tempo entre os 14 carros que participaram da etapa. Foram três Especiais no sábado (18) e mais as cinco neste domingo que no acumulado, totalizaram 36m19s7. A partir de agora, o foco da dupla será nas duas etapas finais do campeonato. O próximo rali está marcado para 30 e 31 e outubro.

“A disputa está acirrada,mas estamos concentrados para brigar pelo título nesta reta final do campeonato”, ressalta o piloto Facco que foi Campeão Paulista 2009 na A6.

Três categorias disputam o campeonato: A6 (carros com motores 1.6, com preparação livre e tração 4×2); N2 (carros com motores 1.6, com preparação limitada e tração 4×2) e Clássicos (carros com mais de oito anos, tração 4×2, sem turbo e com motores até 2.000 cilindradas).