Nonô Figueiredo vence a oitava etapa da Stock Car

20 de setembro de 2010

Daniel Serra, da Red Bull Racing (Peugeot), cruzou em primeiro, mas a vitória em Campo Grande, oitava etapa da Copa Caixa Stock Car, foi de Nonô Figueiredo, da Cosan Mobil Super Racing (Chevrolet). Serrinha e outros quatro pilotos foram desclassificados da etapa pelos Comissários da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), sendo que ele e seu companheiro de equipe Cacá Bueno, Ricardo Zonta, da RZ Corinthians Motorsport, e Xandinho Negrão, da A. Matheis Motorsport, por fornecer informações erradas, enquanto Thiago Camilo, da Ipiranga Vogel Motorsport, por terminar a prova com menos do que os três litros de combustível obrigatórios.

Diante dessa situação, Nonô ficou com a vitória, com o tempo de 50min20seg984; seguido por Marcos Gomes, da  Blau Full Time (Peugeot), com  50min30seg970; e Ricardo Mauricio, da Eurofarma RC, com 50min34seg930.

As desclassificações, entretanto, não alteraram os classificados para a Super Final,  que inclui as quatro últimas corridas: Londrina, em 10 de outubro, Santa Cruz do Sul (RS), em 24 de outubro; Brasília, em 21 de novembro, e Curitiba, no dia 5 de dezembro. Houve, sim mudança de posicionamento:1) Ricardo Mauricio (SP), 112 pontos; 2) Átila Abreu (SP), 110; 3) Nonô Figueiredo (SP), 87; 4) Max Wilson (SP), 72; 5) Cacá Bueno (RJ), 64; 6) Marcos Gomes (SP), 62; 7) Allam Khodair (SP), 58; 8 Felipe Maluhy (SP), 56 (uma vitória); 9) Daniel Serra (SP), 56; e 10) Popó Bueno (SP), 43.

Na Super Final, estes pilotos receberão uma nova pontuação, correspondente ao resultado de uma prova, mais 200 pontos de bônus para que não sejam alcançados pelos demais. Ricardinho, por exemplo, começará a etapa de Londrina com 225 pontos, compostos por 25 pontos pelo primeiro lugar e o bônus, Átila terá 220, e assim por diante, até o décimo Popó Bueno, que terá 206 pontos.

Nonô Figueiredo, da Cosan Mobil Super Racing, cumprimentou Serrinha pela vitória e falou que o resultado comprova o bom trabalho que tem sido feito neste ano. “Em primeiro lugar, parabenizo o Daniel Serra, porque é muito difícil hoje na categoria fazer a pole e ainda ganhar a prova”, comentou. “Larguei em quarto e tinha um bom carro no início da prova. Dei o meu melhor e felizmente consegui mais um pódio. Este está sendo um ano positivo”, avaliou.

Para Marcos Gomes, a prova em Campo Grande foi complicada, mas especial pela classificação. “Foi a corrida mais difícil que já fiz. Tive problema no pit stop e caí para sexto lugar. Precisei partir para cima. Tinha um bom carro, ultrapassei três concorrentes: Cacá, Popó e Ricardinho, conquistando o pódio e o mais importante, a vaga na Super Final”, resumiu o paulista de Ribeirão Preto.

Resultado da oitava etapa da Copa Caixa Stock Car apos as desclassificações:

1 11 Nonô Figueiredo (Cosan Mobil Super Racing/Chevrolet), 34, 00:50:20.984

2 80 Marcos Gomes (Blau Full Time/Peugeot),  34,  00:50:30.970

3 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC/Chevrolet), 34, 00:50:34.930

4 74 Popó Bueno (A.Matheis Motorsport/Chevrolet) 34, 00:50:40.201

5 35 David Muffato (Itaipava Racing Team/Peugeot), 34, 00:50:51.274

6 14 Luciano Burti (Itaipava Racing Team/Peugeot), 34, 00:50:52.744

7 1 Antonio Pizzonia (Hot Car Competições/Chevrolet), 34, 00:50:54.936

8 18 Allam Khodair (Blau Full Time/Peugeot), 34, 00:50:55.146

9 19 Rodrigo Sperafico (Mico´s Racing/Peugeot), 34, 00:51:01.346

10 6 Alceu Feldmann (RCM Motorsport/Peugeot),  34,  00:51:02.396

11 2 Alan Hellmeister JF Racing Peugeot 34 00:51:08.904

12 31 Willian Starostik (RC3 Bassani/Chevrolet), 34, 00:51:15.213

13 9 Giuliano Losacco (Flash Power Racing/Peugeot), 34, 00:51:29.603

14 55 Christian Fittipaldi (Gramacho Costa Comp./Chevrolet), 34, 00:51:34.716

15 5 Constantino Jr (Crystal Racing Team/Peugeot), 34, 00:51:49.144

16 51 Átila Abreu (A.M.G. Motorsports/Chevrolet), 33, 00:49:13.058

17 8 Pedro Gomes (Ecopads Vogel Motorsport/Chevrolet), 33, 00:49:47.740

18 23 Duda Pamplona ((Officer ProGP/Chevrolet), 33, 00:50:59.620

19 3 Cláudio Ricci (Crystal Racing Team/Peugeot), 33, 00:50:59.702

20 63 Lico Kaesemodel (RCM Motorsport/Peugeot) 32,00:48:11.332

21 7 Thiago Marques (A.M.G. Motorsports/Chevrolet), 31, 00:46:35.455

22 44 Betinho Gresse (Hot Car Competições/Chevrolet), 30, 00:45:19.009

23 16 Diego Nunes (RC3 Bassani/Peugeot),  26,  00:39:48.308

24 15 Antonio Jorge Neto (RZ Corinthians Motorsport/Chevrolet), 25, 00:38:35.911

25 65 Max Wilson (Eurofarma RC/Chevrolet), 24, 00:35:53.004

26 25 Julio Campos (JF Racing/Peugeot), 12, 00:18:18.428

27 33 Felipe Maluhy (Officer ProGP/Chevrolet), 11, 00:16:48.972

28 77 Valdeno Brito (Cosan Mobil Super Racing/Chevrolet), 0

Fotos:Fernanda Freixosa/Vicar.