Stock Car: Átila Abreu e Ricardo Maurício empatam em pontos para a final mais equilibrada da história

21 de setembro de 2010

A prova de Stock Car disputada no último domingo (19) em Campo Grande (MS) definiu os dez pilotos que irão definir o título da temporada 2010: Ricardo Maurício, Átila Abreu, Nonô Figueiredo, Daniel Serra, Cacá Bueno, Max Wilson, Marcos Gomes, Felipe Maluhy, Alan Khodair e Popó Bueno. Desde que foi implantado os playoffs na Stock Car, em 2007, pela primeira vez dois competidores terminam a primeira fase empatados em pontos, Com Átila Abreu (Zinco Jeanswear/Santa Carolina/OTG/Baterias Líder) e Ricardo Maurício (Eurofarma) somando 110 pontos, mas com vantagem para o segundo pelo critério de desempate.

“Foi bom, entramos bem no playoff e só precisamos saber lidar com isso para continuar brigando pelo título”, comentou Átila, o mais jovem – 23 anos – piloto da principal categoria do automobilismo, que nos últimos três anos definiu o seu campeão entre os dois primeiros da fase inicial. “Quero manter esta história e conquistar o meu primeiro título este ano”, afirmou Abreu.

A equipe AMG Motorsport (3M/Poliron/Beta Ferramentas) ficou satisfeita com o resultado final desta primeira parte do campeonato da Stock Car. “Achamos que o Átila fez um bom campeonato até aqui. A sorte que tivemos nas outras provas, infelizmente faltou nesta corrida, mas a competência não. Agora vamos trabalhar e ir pra cima, pois a chance maior é do Ricardinho (Maurício) e do Átila, como este empate e a história mostra”, definiu Maurício Matos, diretor técnico do time.

Quem fez uma excelente corrida foi o paranaense Thiago Marques (Cimed Medicamentos/Alpina/Super Cola), que largou da 14ª posição e liderou por várias voltas. Com uma estratégia diferenciada montada pela AMG Motorsport, ele foi o último a fazer o pit stop obrigatório, entrando nos boxes apenas na 22ª das 34 voltas.

“Fizemos tudo o que planejamos, desenvolvendo um carro superbom que economizava pneus e era consistente. Infelizmente, usando uma bomba de combustível nova, ela começou a dar problemas depois que sai dos boxes”, explicou o ex-campeão da Stock Car Light.

Nas últimas quatro etapas da temporada, a partir de 10 de outubro em Londrina (PR), os dez únicos pilotos que brigarão pelo título da temporada têm uma pontuação diferenciada. Cada um ganhou 200 pontos, mais um acréscimo pela colocação atual na tabela. “Continuaremos trabalhando e agora é essencial ganhar corridas. Essa é a hora”, insistiu confiante Átila Abreu, que não terminou a prova sul-matogrossense por problemas na bomba de combustível.

Confira a pontuação dos dez pilotos que brigarão pelo título de campeão:

1º – Ricardo Mauricio (SP) Eurofarma RC – 225 pontos

2º – Átila Abreu (SP) AMG Motorsports – 220

3º – Nonô Figueiredo (SP) Cosan Mobil Super Racing – 216

4º – Daniel Serra (SP) Red Bull Racing – 214

5º – Cacá Bueno (RJ) Red Bull Racing – 212

6º – Max Wilson (SP) Eurofarma RC – 210

7º – Marcos Gomes (SP) Blau Full Time – 209

8º – Felipe Maluhy (SP) Officer ProGP – 208

9º – Allam Khodair (SP) Blau Full Time – 207

10º – Popó Bueno (A.Matheis Motorsport – 206

Foto: André Santos