F-Future Fiat: Jardim e Apezzato dominam Curitiba

27 de setembro de 2010

João Jardim e Felipes Apezzatto foram os principais nomes da quarta rodada dupla da Fórmula Future Fiat, que aconteceu hoje no Autódromo Internacional de Curitiba-Pinhais. Para Jardim, as coisas foram melhores, porque marcou a pole position, ganhou a sétima etapa e manteve a ponta da classificação da categoria-escola do Racing Festival, o evento idealizado pelo Felipe Massa e que tem ainda o Trofeo Linea e a 600 Hornet (motos). Já o paulista Apezzatto passou a figurar como o sexto ganhador diferente em oito etapas do campeonato após cruzar a linha de chegada com grande folga.

“Foi um fim de semana de equilíbrio, tudo muito apertado. Eu sabia que seria complicada essa rodada, e por isso estou muito feliz. Agora é pensar na próxima em Brasília”, declarou João Jardim. “Tinha a missão de sair daqui ainda líder da temporada e consegui”, falou o piloto de Sorocaba, dono de 89 pontos na classificação. Com dois segundos lugares na rodada, o gaúcho Francisco Alfaya ganhou a segunda posição, com 87 pontos. “Fomos bem nessa corrida. Não deu para sair com uma vitória, mas serviu para recuperar os pontos que a gente perdeu em Interlagos”, festejou o gaúcho.

Quem foi mal na rodada e ficou chateado com o seu desempenho foi o carioca Nicolas Costa. Ele marcou o melhor tempo dos treinos livres, mas não teve chance de aproveitar a vantagem. Na primeira prova, ficou parado no grid por conta de um problema na embreagem e acabou apenas em sétimo. Em segundo na largada seguinte, que tem o grid invertido de acordo com a posição de chegada, Nicolas foi mal de novo. Acabou se envolvendo em uma batida com João Jardim na briga pelo sexto posto. Agora, tem 82 pontos na temporada.

“Infelizmente acho que o Jardim errou em defender a posição daquela forma e acabou me tocando na reta. Isso é perigoso, e não foi à toa que a direção de prova resolveu puni-lo com uma passagem pelos boxes. Não dá para sair feliz porque cheguei na liderança e cai para o terceiro lugar. O campeonato deu uma embolada novamente. Espero melhorar em Brasília, apesar de saber que será ainda mais difícil. Lá eu nem sei para que lado vira”, admitiu Nicolas Costa depois da prova derradeira em Curitiba.

Último colocado na primeira bateria, o paulista Felipes Apezzatto ganhou o direito de sair na ponta da segunda prova e não deu chance ao azar. O garoto faz sua primeira temporada no automobilismo e mostrou muito talento ao liderar desde o início e virar a volta mais rápida. “O pessoal me avisou para tirar o pé nas voltas finais, mas eu queria mesmo acelerar. Não tenho palavras para descrever essa vitória, a minha primeira em monoposto”, comemorou o garoto de 17 anos. “Subi um pouco na tabela de classificação e agora é focar para tentar repetir a performance em Brasília.”

O potiguar Johilton Pavlak e o paulista Vini Alvarenga também demonstraram evolução na etapa marcada pelo equilíbrio entre os carros. Pavlak foi o terceiro na primeira prova, enquanto Alvarenga repetiu o resultado na bateria da tarde. “O que interessa mesmo é a pontuação, é não deixar os caras abrirem muito na frente”, garantiu Alvarenga. “Estou satisfeito, só nesse fim de semana aprendi bastante aqui em Curitiba. A primeira prova foi bem melhor, mas estou aqui para aprender nesse meu primeiro ano correndo de carro. Eu tive chance de disputar posições e isso é o que vale”, completou Pavlak.

A próxima rodada dupla da Fórmula Future Fiat será no próximo mês, dia 17, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília.

O resultado da 7ª etapa:

1 João Jardim, 27min29s755
2 Francisco Alfaya, a 5s173
3 Johilton Pavlak, a 8s275
4 John Louis, a 17s308
5 Vini Alvarenga, a 27s144
6 Rafael Azrak, a 35s574
7 Nicolas Costa, a 48s496
8 Felipes Apezzatto, a 50s042

Melhor volta: Francisco Alfaya, 1min25s586, média de 153,197 km/h

O resultado da 8ª etapa: (sujeito a verificações técnica e desportiva):

1 Felipes Apezzatto, 27min21s739
2 Francisco Alfaya, a 12.085
3 Vini Alvarenga, a 20s839
4 Rafael Azrak, a 30s524
5 John Louis, a 38s905
6 Nicolas Costa , a 45s086
7 Johilton Pavlak, a 1 volta
8 João Jardim, a 1 volta
Melhor volta: Felipes Apezzatto, 1min25s404, média de 153,945 km/h

A nova classificação do campeonato:

1 João Jardim, 89 pontos
2 Francisco Alfaya, 87
3 Nicolas Costa, 82
4 Johilton Pavlak, 73
5 Vini Alvarenga, 58
6 John Louis, 56
7 Felipes Apezzatto, 37
8 Rafael Azrak, 29
9 Roberto Curia Jr , 23
10 Felipe Granzotto, 2
11 Lucas Colombo Russell, 1

Fotos: Carsten Horst/MF2