Fórmula 3: Victor Corrêa quer vencer na ultima rodada dupla do ano

28 de outubro de 2010

Após 14 corridas emocionantes nos principais circuitos do Velho Continente, o European F3 Open chega a sua oitava e última rodada dupla da temporada 2010. As corridas acontecem nesse final de semana (30 e 31/10) no circuito de Montmeló, na Catalunha, 20 km ao norte de Barcelona (Espanha) com a participação do mineiro Victor Corrêa (Unifenas). Único brasileiro na categoria e representando muito bem a bandeira, Victor Corrêa quer encerrar a temporada com chave de ouro, e vai atrás de outro bom resultado.

“Estou indo para andar na frente, vou tentar outra pole e vitórias. Se possível, quero repetir o que conseguimos em Monza, acho que tenho condições pra isso”, avisa o representante de Alfenas, Minas Gerais. Victor Corrêa foi pole position na Inglaterra e na Itália teve uma supremacia avassaladora, largando duas vezes da pole position, estabelecendo a volta mais rápida das duas corridas e subindo no pódio com duas vitórias, tornando-se destaque nas mídias especializadas de toda Europa. Com isso, o piloto tem um incentivo extra para brigar pela vitória na Espanha.

“Nunca andei em Barcelona, porém já treinei no simulador da equipe”, falou sobre a inglesa West-Tec Racing. “Mas isto não será problema, na maioria das outras etapas foi assim e acabei andando bem”, revela demonstrando confiança para correr na ultima rodada dupla do ano.

Victor entrou no certame europeu depois das duas primeiras rodadas duplas e mesmo assim ocupa a quinta colocação na tabela de classificação. “Acho que a gente tem que fazer o máximo de pontos e vamos trabalhar pra isso. Acredito que mesmo não participando das quatro primeiras corridas, ainda dá para terminarmos o campeonato em terceiro. Por isso, o meu foco será procurar a vitória nas duas corridas, o que será mais importante do que a posição final no campeonato”, comentou o jovem de 20 anos de idade, apoiado pela Unifenas.

Conhecido por sediar o GP da Espanha de Fórmula-1 e por ser a pista preferida para testes pela maioria das equipes da categoria máxima, o moderno circuito de Montmeló possui 4.720 metros de extensão, com um traçado de velocidade alta, porém travado em alguns trechos de curvas bem técnicas. A pista possui uma grande reta dos boxes – uma das maiores na categoria – possibilitando altíssima velocidade. Entretanto, existem diversos pontos seguros de ultrapassagem, sendo uma pista bem seletiva.

Aproveitando as configurações do traçado, o piloto da West-Tec Racing está confiante e determinado a brigar por mais uma pole position e subir ao pódio. “Temos boas chances porque o carro deve ser bom em Barcelona. O estilo da pista casa bem com o tipo de acerto que costumamos usar, que é bom em circuitos de média horária alta”, explica.

Com etapas na Espanha, Bélgica, França, Inglaterra e Itália, o European F3 Open é composto por 16 corridas em sistema de rodadas duplas.