Vitória em Interlagos anima Bernoldi para San Luís

3 de dezembro de 2010

A pole position e a vitória conquistadas em Interlagos no último final de semana trouxeram um novo ânimo a Enrique Bernoldi (Sangari). O piloto paranaense, que em São Paulo disputou a prova tendo Xandinho Negrão como companheiro, terá a volta do português Miguel Ramos como parceiro na rodada dupla final do Campeonato Mundial de GT1 neste fim de semana em San Luís, na Argentina.

“A vitória no Brasil nos trouxe um ânimo extra, sem dúvida. Foi maravilhoso ter vencido em um circuito como Interlagos e na frente da nossa torcida. Nosso ano tem sido bastante difícil e é uma pena que o Xandinho não possa disputar mais esta etapa (Negrão disputa etapa da Stock Car em Curitiba na mesma data). De qualquer forma, vamos dar o máximo, e espero que o Miguel tenha se inspirado com o resultado conquistado pela equipe em Interlagos”, afirmou Bernoldi, que guia o Maserati MC12 e ainda não andou no traçado que margeia o lago de Potrero de Los Funes.

“Vi algumas fotos e vídeos onboard de quando o FIA GT1 correu lá em 2008″, apontou. “Mas a pista parece muito prazerosa de guiar, mas difícil”, disse. O traçado argentino fica a 8,7 quilômetros da cidade de San Luís, e tem 6,270 quilômetros de extensão, com 22 curvas. O recorde de volta é de Marcel Fassler, com um Corvette C6, em 2min13s236 – média de 169,38 km/h.

“É um traçado bastante interessante, mas teremos uma luta muito difícil, já que o meu carro vai levar 40 quilos de lastro por causa da vitória de Interlagos”, lembrou o paranaense, que correrá de olho na pontuação para garantir o título de equipes para a Vitaphone Racing. Seus companheiros de equipe, Michael Bartels e Andrea Bertolini, são os atuais líderes do campeonato.