Jimenez, que faz melhor tempo do 1º treino da GT1 na Argentina

4 de dezembro de 2010

Uma semana depois da ótima estreia em Interlagos, Sergio Jimenez (GFS Software) voltou a se destacar no Campeonato Mundial de GT1 ao fazer o melhor tempo do treino livre para a etapa de San Luis, na Argentina, a última da temporada, neste sábado (04/12). O piloto, que faz parceria com o alemão Frank Kechele no fim de semana, foi o responsável pela volta mais rápida do Lamborghini Murcielago, da equipe Reiter, cravando 2min16s155 na sessão pela manhã.

Mesmo sendo seu primeiro contato com o carro – que foi pilotado na maioria das etapas por Kechele e Ricardo Zonta -, Jimenez mostrou uma rápida adaptação ao Lamborghini, pulou para a ponta do treino em pouco tempo e foi 1s7 mais rápido do que seu companheiro de time.

“Estou contente com o desempenho do carro. Foi legal, o carro saiu bem equilibrado desde o início. O Kechele foi para a pista antes de mim, ficamos sempre segurando entre os cinco primeiros. Aí eu entrei no carro, dei duas voltas para aprender e fiz o melhor tempo. Voltamos para os boxes, fizemos uma mudança, dei mais duas voltas e baixei ainda mais minha marca”, disse Jimenez.

O brasileiro não escondeu sua empolgação por ter sido mais rápido do que Kechele, que, apesar de não conhecer bem o traçado argentino, tem mais experiência com o carro da Reiter. Segundo Jimenez, há uma explicação para o seu rápido entendimento com o equipamento, algo que já tinha sido mostrado na etapa de Interlagos, com o Corvette Z06 da Mad Croc Racing.

“Para mim, quando o carro é mais potente, fica melhor. Por isso, o carro de GT1 se encaixou como uma luva para mim. No próximo treino, vamos testar uma mudança, esperamos ficar entre os três primeiros. O objetivo é disputar a pole”, concluiu Jimenez.

Mais tarde, às 13h05 (Horário de Brasília), acontece o treino pré-classificatório em San Juan. A classificação da GT1 na Argentina está marcada para 18h15.