Fórmula Truck: Danilo Dirani leva batida e não briga pela vitória em Brasília

6 de dezembro de 2010

O paulista Roberval Andrade (Scania) conquistou os Campeonatos Sul-americano e Brasileiro de Fórmula Truck, depois de vencer em Brasília (DF), no domingo (05/12), a décima e última etapa dos certames. O vice-campeonato ficou com Felipe Giaffone (Volkswagen), quarto na prova.

Com boas chances de brigar pela vitória, Danilo Dirani (Ford Racing Trucks) viu sua prova arruinada ainda na primeira volta. Largando da segunda posição, na segunda volta o piloto do Ford Cargo numeral 56 levou uma batida do paranaense Leandro Totti, jogando-o para fora da pista quando ocupava a vice-liderança.

“Nossa esperança de encerrar bem a temporada terminou nesta batida inexplicável que levei”, lamentou Dirani. Totti foi imediatamente excluído da competição após o toque que provocou.

“É atitude difícil de compreender. Algo que cabe mais para um piloto principiante e não para um profissional. Nosso trabalho foi todo jogado fora, destruído por algo impensável de um piloto de Fórmula Truck”, comentou o veterano Djalma Fogaça, chefe da equipe Ford Racing Trucks (Ford/ Consórcio Case/ Automotiva Usiminas/ Cummins/ Eaton/ FrasLe/ BorgWarner/ Mahle/ Ferramentas Beta/ Molas Feeder/ Digipulse/ Tecnodiesel/ Stock AIG/ S.Y.L.).

“De positivo tenho que destacar outro bom desempenho do Bruno (Junqueira), que fez uma boa corrida mesmo com o escapamento amassado por causa de outro toque que levou. Com a queda de potência, ele foi inteligente e levou nosso Ford Cargo aos pontos com o nono lugar”, elogiou. O gaúcho Andersom Toso foi obrigado a abandonar em virtude da queda de pressão do turbo.

Foto: Orlei Silva/Divulgação.